sábado, 28 de maio de 2022

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Recesso: "Medo de abrir geladeira e encontrar advogado", brinca juíza
Pegou mal

Recesso: "Medo de abrir geladeira e encontrar advogado", brinca juíza

Diante da repercussão negativa da publicação, a magistrada veio a público pedir desculpa.

terça-feira, 21 de dezembro de 2021

Na última semana, a juíza de Direito Caroline Bündchen Felisbino Teixeira causou polêmica ao fazer um postagem no Twitter. A magistrada escreveu: "Medo de abrir a geladeira e encontrar advogado precisando de atendimento antes do recesso..." Após a repercussão negativa, veio a público pedir desculpa.

(Imagem: Reprodução/Redes sociais)

(Imagem: Reprodução/Redes sociais)
 

Logo depois da publicação de Caroline, um usuário a respondeu:

"Internalize o seguinte: quem precisa de atendimento não é o advogado, é a parte. A gente odeia despachar (até porque somos mal recebidos 99% das vezes). Infelizmente muitos juízes assinam petição do escritório do amigo para comprovar prática. Se advogassem um ano, entenderiam."

Ato contínuo, a OAB subseção Joinville emitiu uma nota de repúdio:

"A Ordem dos Advogados do Brasil - Subseção de Joinville (OAB Joinville) repudia veementemente a publicação feita pela juíza de direito Dra. Caroline Bundchen Felisbino Teixeira no dia 15 de dezembro de 2021 em seu Twitter.

Na publicação a magistrada falta com respeito com os advogados que buscam atendimento nas varas judiciais. A publicação, ainda que fora do expediente forense, claramente extrapola os limites constitucionais de liberdade de expressão e viola o dever de urbanidade imposto pela legislação brasileira aos magistrados.

A banalização das demandas judiciais e dos profissionais que buscam atendimento é inadmissível, sobretudo, quando vinda de um servidor público cuja obrigação primordial é exatamente servir ao público."

Diante da repercussão negativa, a juíza voltou às redes sociais para fazer um pedido público de desculpas.

"A postagem, feita na noite de quarta-feira, tinha o intuito apenas de fazer uma brincadeira com o corre-corre que é para todos os profissionais do direito a última semana de trabalho antes do recesso, especialmente para aqueles que atendem e buscam atendimento."

Por fim, reafirmou seu respeito por todos os profissionais da advocacia.

(Imagem: Reprodução/Redes sociais)

(Imagem: Reprodução/Redes sociais)

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 21/12/2021 08:45

Patrocínio