sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. TRF-2 proíbe juiz Bretas de proferir sentença até julgamento de HC
Competência

TRF-2 proíbe juiz Bretas de proferir sentença até julgamento de HC

Defesa de três réus alega incompetência da Justiça Federal para julgar o feito.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

O juiz Federal Marcelo Bretas deve se abster de proferir sentença em ação penal até que o TRF da 2ª região julgue Habeas Corpus em que os pacientes apontam a incompetência da Justiça Federal para julgar o feito. Assim decidiu a desembargadora Simone Schreiber, do TRF-2, ao conceder liminar a fim de evitar prejuízos às partes.

(Imagem: Tomaz Silva/Agência Brasil)

TRF-2 impede Marcelo Bretas de proferir sentença até julgamento de HC.(Imagem: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Trata-se de HC impetrado por três réus denunciados por corrupção passiva e lavagem no âmbito da Lava Jato. O objetivo do remédio heroico era, liminarmente, a suspensão de tramitação de ação penal até julgamento de mérito. E, no mérito, que fosse declarada a incompetência da Justiça Federal para julgar a AP, com consequente anulação de decisões.

A defesa sustenta a ausência de relação dos fatos narrados com organização criminosa supostamente liderada por Sergio Cabral, mas Bretas teria negado o pedido, declarando sua competência para a condução da ação penal.

No HC enviado ao TRF, a desembargadora observou que, em primeira análise, entende haver aparente conexão probatória a justificar o processamento e julgamento da ação penal pelo juízo da 7ª vara Federal Criminal do RJ. De todo modo, entendeu a magistrada que as questões devem ser melhor analisadas no julgamento de mérito do presente HC.

Sendo assim, a magistrada deferiu parcialmente a liminar para determinar que o juízo se abstenha de proferir sentença na ação penal até julgamento de mérito do HC pelo TRF-2.

O escritório Luchione Advogados atua pelos pacientes.

Leia a decisão.

____________

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 14/1/2022 10:51