MIGALHAS QUENTES

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. Migalhas Quentes >
  4. MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídio contra PF
Tiros e granadas

MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídio contra PF

No dia 23/10, o ex-deputado recebeu os agentes com granadas e tiros de fuzis.

Da Redação

quarta-feira, 7 de dezembro de 2022

Atualizado às 15:55

Nesta quarta-feira, 7, o MPF denunciou o ex-deputado Roberto Jefferson por ataque com tiros e granadas a policiais federais que foram prendê-lo no dia 23 de outubro, no Rio de Janeiro. Na ocasião, os agentes estavam cumprindo a ordem do ministro Alexandre de Moraes.

No vídeo divulgado à época, Jefferson diz que atiraram nele, e ele revidou: "vou mostrar a vocês que o pau cantou. Eles atiraram em mim, eu atirei neles".

Na denúncia, assinada pelos procuradores Charles Stevan da Mota Pessoa e Vanessa Seguezzi, o MPF diz que o ex-deputado agiu "dolosamente e consciente da ilicitude e reprovabilidade de suas condutas" ao "tentar matar 4 Policiais Federais, com emprego de explosivo e de meio de que resultou perigo comum".

"Usou como meio recurso que dificultou a defesa de autoridade e agentes no exercício da função descritos no artigo 144 da Constituição Federal e com emprego de arma de fogo de uso restrito, cujos resultados (mortes) não se consumaram por circunstâncias alheias à sua vontade."

 (Imagem: Reprodução/YouTube)

MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídio contra PF.(Imagem: Reprodução/YouTube)

Patrocínio

Patrocínio Migalhas