Quarta-feira, 23 de outubro de 2019

ISSN 1983-392X

Marketing Jurídico

por Alexandre Motta

Marketing jurídico nas faculdades

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

A amiga Luciana Fortino pergunta:

"Alexandre, estou no 5º semestre de Direito, ainda não tive nenhuma matéria onde falasse sobre o marketing jurídico e aparentemente não consta em minha grade. Teria alguma indicação para que eu tenha mais acesso a esse conteúdo?".

Luciana, obrigado pela pergunta. Realmente hoje nas faculdades o ensino sobre o real marketing jurídico, por mais incrível que pareça, ainda não foi pautado. É bastante comum o advogado sair da faculdade e entender que aprendeu a fazer Direito, mas não a administrar uma carreira ou o seu próprio escritório.

Posto isso, a verdade é que fica a cargo do próprio advogado se auto instruir com relação a assuntos sobre administração, marketing jurídico, recrutamento e finanças, entre outras matérias necessárias para uma evolução correta de um escritório.

Mas não se desespere. A boa notícia é que existem diversos e diversos materiais referentes a estas áreas, em especial marketing jurídico. Livros, e-books, palestras presenciais e online, artigos, vídeo-artigos, entrevistas e cursos complementares com os mais variados tempos de duração, entre outros. Esta própria coluna do Migalhas foi desenhada para levar informação de marketing jurídico a qualquer advogado que procure evoluir. Então, apesar de que eu particularmente acho que marketing jurídico deveria estar na grade de formação do advogado nas faculdades, o que não faltam são informações disponibilizadas para "complementar" seu amadurecimento como advogada moderna, seja em formato pago ou gratuito. Cabe agora você correr atrás. O amigo Google está aí para isso. Digite "livro marketing jurídico", "artigo marketing jurídico" ou simplesmente "marketing jurídico" e explore todos os caminhos apresentados.

Mas fica aqui a minha dica e aviso: antes de assumir o novo ensinamento como verdadeiro, verifique a carreira de quem escreveu. Existem, infelizmente, diversos "autores" de textos que nunca efetivamente aplicaram o marketing jurídico na prática. Como sempre falo, não acredite em tudo que possa ler na internet. Tem muita besteira sem fundamento sendo vendida como "solução rápida e ideal". Investigue quem escreveu e converse com as pessoas que efetivamente usaram os ensinamentos e conseguiram conquistar algo. A regra é simples: só ensina quem criou ou domina uma matéria na prática, nunca apenas na teoria.

Espero ter ajudado.

Confira toda sexta-feira a coluna "Marketing Jurídico" e envie suas dúvidas sobre marketing jurídico, gestão de escritórios, cotidiano dos advogados empreendedores ou dúvidas gerais sobre o dia a dia jurídico por e-mail (com o título Coluna Marketing Jurídico) que terei um grande prazer em ajudar.

Bom crescimento!

Alexandre Motta

Alexandre Motta é consultor e sócio diretor do Grupo Inrise. Com formação e pós-graduação em marketing pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), atuou durante cinco anos em escritório jurídico como responsável pela área de desenvolvimento de negócios e comunicação com clientes. É palestrante oficializado pela OAB (tendo recebido inclusive a Medalha do Mérito Jurídico), escreve artigos de relevância para o mercado atual e é autor dos livros "Marketing Jurídico – Os Dois Lados da Moeda" e "O Guia Definitivo do Marketing Jurídico". Apresenta também o programa de entrevistas Conversa Legal, focado na interatividade dos profissionais do setor jurídico. Desde 2002 mantém, através de sua consultoria, uma clientela de inúmeros escritórios jurídicos sob sua responsabilidade de atuação e crescimento em marketing ético.