Encerrado

 

O Protocolo de Quioto promete melhorar o clima do planeta nas próximas décadas. Para tanto determina que países desenvolvidos reduzam a emissão de gases causadores do efeito estufa (GHG). O tratado estabelece uma redução de GHGs da ordem de 5% em relação ao emitido em 1990. Os países signatários terão até 2008 para implementar estes projetos, e até 2012 para comprovar a redução.

 

Para tanto foi criado um mecanismo de flexibilizações através das quais os países ricos e desenvolvidos podem promover a redução fora de seu território. Esta alternativa ficou conhecida como Mecanismos de Desenvolvimento Limpo (MDL), sendo a negociação de créditos de carbono sua forma transacional.

 

Recentemente o presidente da Rússia submeteu ao parlamento a decisão de aderir ao Protocolo de Quioto. Esta adesão validará o protocolo sobre o aspecto quantitativo de emissões. O mercado de crédito de carbono estará, portanto, adquirindo uma nova dimensão diante da validação do protocolo.

 

A negociação de créditos de carbono já beneficia uma série de empresas no Brasil. São empresas de diversos setores, como siderurgia, papel e celulose, agroindústria, saneamento e recursos renováveis. Estas empresas estão acessando um mercado que, segundo alguns especialistas, movimentará US$10 bilhões em crédito de carbono ao ano. O Brasil deverá ser responsável por 10% desta quantia.

 

O crédito de carbono consiste em certificar reduções de emissões de gazes de efeito estufa (GHG), que através de um custo marginal de redução no Brasil possam compensar um possível custo de oportunidade nos países desenvolvidos.

 

Compareça a este seminário InterNews e venha compreender como acessar este mercado. Saiba como os Mecanismos de Desenvolvimento Limpo podem ser uma importante fonte de recursos para sua empresa.

 

  • Aspectos legais, financeiros e sociais
  • Benefícios diretos e indiretos que se pode obter através dos MDL
  • Como estruturar um projeto, perfil e formato financeiro do MDL
  • Perspectivas para a reunião da COP 1º em Buenos Aires em dezembro
  • A comercialização e o atual estágio do mercado
  • Apresentação de estudos de caso

 

Projeto e comercialização - Estudo de Caso

 

Marco Antonio Fujihara

Diretor de Sustentable Business Solutions

PRICEWATERHOUSECOOPERS

 

 

Rito de validação

 

Samuel Barbosa

Consultor

DNV Certificadora

 

 

Oportunidades de negócios

Novas oportunidades na agricultura - Estudo de Caso

Newton La Scala Júnior

UNESP - Fac. Ciências Agrárias e Veterinária

 

 

Oportunidades para o mercado financeiro - Estudo de Caso

Hugo G. V. Assunção

Gerente de Project Finance Energia e Carbono

 

 

Informações

 

Data

26 de Novembro de 2004

 

Local

Hotel Radisson

Av. Cidade Jardim, 625

Jardim Europa - São Paulo

 

Horário

14h – 18h30

 

 

Haverá intervalo para o Coffee Break

 

______

 

Ganhadora:

 

Monique Coli Desmonts Silva, do Grupo Cosan

 

 

 

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES

 

TELEFONES

 

0800-177 707 ou (11) 4612-0535

 

ou

 

Clique aqui

 

Publicado segunda-feira, 1 de novembro de 2004