Priscila Penha de Barros Thereza

Priscila Penha de Barros Thereza

Migalheira desde outubro/2018.
Fragrâncias da biodiversidade
Migalhas de Peso
31/10/2018

Fragrâncias da biodiversidade

Laetitia Maria Alice Pablo d´Hanens e Priscila Thereza
Nos casos em que o cheiro final do produto percebido pelo consumidor não resulte de componente do patrimônio genético brasileiro, o fabricante não estará obrigado a repartir benefícios, seja diretamente com as comunidades tradicionais associadas ou por meio de recolhimento ao FNRB os montantes estabelecidos pela lei.
MIGALHAS nº 4.794
Informativo Migalhas
18/2/2020

MIGALHAS nº 4.794

...) Lei da biodiversidade As advogadas Camila Avi Tormin e Priscila Thereza (Gusmão & Labrunie - Propriedade Intelectual) elencam impasses para a regularização de atividades no SisGen - Sistema Nacional de Gestão do Patrimônio Genético e do Conhecimento Tradicional Associado. (Clique aqui) Migalhas Bioéticas A advogada Thais Maia traz, no vídeo de hoje, um curioso tema: o teste genético de ancestralidade. (Clique aqui) German Report Dando sequência à análise de caso julgado pelo 1º Senado do Tribunal Constitucional Alemão, a advogada Karina Nunes Fritz analisa o processo relacionado à validade...
Escritório promove evento em comemoração ao Dia Mundial da Propriedade Intelectual
Migalhas Quentes
7/5/2019

Escritório promove evento em comemoração ao Dia Mundial da Propriedade Intelectual

...e de competição”, assinalou. Bióloga de primeira formação, Priscila Thereza está há 16 anos na banca, onde começou como estagiária. “Fui me apaixonando aos poucos. Cada caso tem de estudar, analisar, buscar conhecimento e isto sempre me moveu”, disse. “Ter humildade, saber ouvir e estar aberto às críticas construtivas”, ressaltou o sócio Thiago Arpagaus de Souza ao responder sobre que orientações dá a quem está no início da jornada. Thiago entrou como estagiário há 13 anos. “Pensem no que move vocês”, acrescentou.   O mesmo desconhecimento inicial vale para os jovens talentos. “Foi amor à segunda...
MIGALHAS nº 4.473
Informativo Migalhas
31/10/2018

MIGALHAS nº 4.473

... Fragrâncias da biodiversidade Advogadas Laetitia d'Hanens e Priscila Thereza (Gusmão & Labrunie - Propriedade Intelectual) tratam da orientação técnica CGEN/MMA 6, de 20/6/18, que esclarece o conceito de "agregação de valor ao produto" no segmento de fragrâncias. A nova normativa, na opinião das autoras, trouxe "mais clareza e segurança jurídica à indústria de cosméticos". Veja as considerações. (Clique aqui) Partidos políticos Advogado Vadim da Costa Arsky discorre sobre projeto que ainda aguarda votação no Senado: a PEC 6/15, que possibilitaria o lançamento de candidaturas...