quinta-feira, 13 de agosto de 2020

ISSN 1983-392X

Juíza do DF aponta em despacho indisciplina de Geddel na prisão

Ex-ministro está preso desde o ano passado.


A juíza Leila Cury, da vara de Execuções Penais do DF, anotou em despacho que o ex-ministro Geddel, preso desde o ano passado, tem demonstrado indisciplina a despeito do isolamento imposto. Ele se recusa a receber todas as refeições diárias e a sair para o banho de sol diário.

"Informa (a direção do presídio), ainda, que mesmo em isolamento disciplinar, Geddel vem se comportando de forma indisciplinada e vem se recusando ao recebimento de parte das quatro refeições diárias ordinariamente disponibilizadas a todas as pessoas em privação de liberdade naquela unidade prisional, insistindo em ter acesso à cantina do Bloco 5. Além disso, ele se recusa a sair diariamente para o banho de sol."

Em maio, a 2ª turma do STF recebeu denúncia contra o ex-ministro, seu irmão, o deputado Federal Lúcio Vieira Lima, e mais três investigados, pela suposta prática dos delitos de lavagem de capitais e associação criminosa. O colegiado também manteve, por unanimidade, a prisão preventiva de Geddel, por entender existir possibilidade de reiteração delituosa.

A denúncia é referente ao caso em que R$ 51 mi foram apreendidos pela PF em um apartamento em Salvador.

Por: Redação do Migalhas

patrocínio

Advertisement

últimas quentes

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

WhatsApp Telegram