O que saiu em Migalhas sobre Rodrigo Da Guia Silva
Migalhas

O que saiu em Migalhas sobre Rodrigo Da Guia Silva

Rodrigo da Guia Silva

Rodrigo da Guia Silva

Migalheiro desde junho/2020.

Doutorando e mestre em Direito Civil pela UERJ. Professor de Direito Civil em cursos de pós-graduação lato sensu da UERJ, da PUC-Rio, da EMERJ e da PGE-RJ. Pesquisador Visitante do Max-Planck-Institut für ausländisches und internationales Privatrecht. Membro do IBDCivil, do IBDCont, do IBERC e do Comitê Brasileiro da Association Henri Capitant des amis de la culture juridique française (AHC-Brasil). Secretário-Adjunto e membro da Comissão de Direito Civil da OAB/RJ. Advogado.

/coluna/migalhas-contratuais
segunda-feira, 14/12/2020

Os contratos em 2020: o ano da pandemia de Covid-19

Os contratos em 2020: o ano da pandemia de Covid-19.

... Leite, Marcos Catalan, Rodrigo da Guia Silva, Marília Pedroso Xavier, William Soares Pugliese, Carlos Eduardo Pianovski, Bianca Kremer, Gustavo Tepedino, Carla Moutinho, Gabriel Schulman, João Pedro Biazi, Rodrigo Mazzei, Bernardo Azevedo, Aline de Miranda...
Os contratos em 2020: o ano da pandemia de Covid-19
/amanhecidas
terça-feira, 29/9/2020

MIGALHAS nº 4.947

Informações jurídicas de terça-feira, 29 de setembro de 2020.

...o Tepedino Advogados) e Rodrigo da Guia Silva. (Clique aqui) Aprofunde-se no universo das licitações e contratos administrativos com o "Kit de Licitações e Contratos Administrativos", da Editora Mizuno. (Clique aqui) Migalhíssimas O ...
MIGALHAS nº 4.947
/depeso
terça-feira, 9/6/2020

Dever de informar e ônus de se informar: A boa-fé objetiva como via de mão dupla

A consolidação da relevância da boa-fé objetiva para o estudo do fenômeno obrigacional foi acompanhada pelo amplo reconhecimento das suas três funções essenciais – interpretação, limitação do exercício de situações jurídicas subjetivas e cr...

...o Tepedino Advogados. *Rodrigo da Guia Silva é doutorando e mestre em Direito Civil pela UERJ. Advogado do escritório Gustavo Tepedino Advogados.
Dever de informar e ônus de se informar: A boa-fé objetiva como via de mão dupla
/amanhecidas
terça-feira, 9/6/2020

MIGALHAS nº 4.869

Informações jurídicas de terça-feira, 09 de junho de 2020.

Terça-Feira, 9 de junho de 2020 - Migalhas nº 4.869.Fechamento às 10h25.Registro Migalhas anuncia que, a partir de hoje, conta com mais um Fomentador: Ibmec (Clique aqui) "Não há justificar o que de si mesmo se justifica."Machado de AssisPrincípio...
MIGALHAS nº 4.869
/coluna/migalhas-contratuais
terça-feira, 5/5/2020

Quando a farinha é pouca: Pandemia, endividamento patrimonial crítico e pessoa humana

Quando a farinha é pouca: Pandemia, endividamento patrimonial crítico e pessoa humana.

...; Eduardo Souza Nunes e Rodrigo da Guia Silva, Resolução contratual nos tempos do novo coronavírus; Carlos Eduardo Pianovsky, A força obrigatória dos contratos nos tempos do coronavírus; Flávio Tartuce, O coronavírus e os contratos - Extinção, revisão...
Quando a farinha é pouca: Pandemia, endividamento patrimonial crítico e pessoa humana
/coluna/migalhas-contratuais
segunda-feira, 20/4/2020

Enriquecimento sem causa no contexto da covid-19: armadilhas e potencialidades do instituto realçadas pela pandemia

Enriquecimento sem causa no contexto da covid-19: armadilhas e potencialidades do instituto realçadas pela pandemia.

Texto de autoria de Rodrigo da Guia Silva Armadilhas no estudo da vedação ao enriquecimento sem causa A1 preocupação da sociedade civil com a difusão da covid-19 (causada pelo novo coronavírus, variante SARS-CoV-2) foi prontamente acompanhada dos...
Enriquecimento sem causa no contexto da covid-19: armadilhas e potencialidades do instituto realçadas pela pandemia
/amanhecidas
segunda-feira, 20/4/2020

MIGALHAS nº 4.835

Informações jurídicas de segunda-feira, 20 de abril de 2020.

... Contratuais, o professor Rodrigo da Guia Silva aborda o enriquecimento sem causa no contexto da pandemia. (Clique aqui)Contratos escolares diante da suspensão das aulas, por Lenda Tariana Dib Faria Neves, do escritório Amaury Nunes & Advogados Associados....
MIGALHAS nº 4.835
/depeso
quinta-feira, 9/4/2020

A pandemia do coronavírus e seus reflexos na “teia contratual”. Breves apontamentos

Discute-se diuturnamente sobre a suspensão, manutenção e/ou retomada das atividades profissionais e comerciais, dos empregos, bem como da produção e circulação de bens e de serviços, com as inerentes consequências para a economia.

... Eduardo Nunes de Souza e Rodrigo da Guia Silva9, caso fortuito e força maior – institutos previstos no Capítulo I (Disposições Gerais) do Título IV (Do Inadimplemento das Obrigações) do Livro I (Do Direito das Obrigações) da Parte Especial do Código Civil...
A pandemia do coronavírus e seus reflexos na “teia contratual”. Breves apontamentos
/coluna/migalhas-contratuais
segunda-feira, 6/4/2020

Covid-19: Os contratos, a incerteza os desafios para a manutenção das empresas e a exceção da ruína

Covid-19: Os contratos, a incerteza os desafios para a manutenção das empresas e a exceção da ruína.

... Eduardo Nunes de Souza e Rodrigo da Guia Silva, em recente coluna (link), em linhas gerais o COVID19 parece caminhar mais para a impossibilidade do que para a onerosidade excessiva. Em seu clássico texto, "Obrigação como processo", Clóvis do Couto e...
Covid-19: Os contratos, a incerteza os desafios para a manutenção das empresas e a exceção da ruína
/depeso
sexta-feira, 27/3/2020

Coronavírus (covid-19) e as relações locatícias não residenciais – impactos e desafios.

Há inevitável afetação da cadeia econômica, vez que a paralisação de atividades tidas como não essenciais imputará ao empresariado a paralisação de suas produções.

... Muito bem discutido por Rodrigo da Guia Silva (2018): “Admitindo-se, como regra geral, que somente o possuidor direto sofre danos em decorrência da privação do uso, incumbe reconhecer, por outro lado, a possibilidade de situações excepcionais. Assim sucede,...
Coronavírus (covid-19) e as relações locatícias não residenciais – impactos e desafios.
/coluna/migalhas-contratuais
quarta-feira, 25/3/2020

Resolução contratual nos tempos do novo coronavírus

Resolução contratual nos tempos do novo coronavírus.

... Eduardo Nunes de Souza e Rodrigo da Guia Silva As alarmantes proporções da pandemia da COVID-19, causada pelo novo coronavírus (variante SARS-CoV-2), seguem assustando a sociedade mundial e impõem desafios crescentes aos instrumentos disponíveis...
Resolução contratual nos tempos do novo coronavírus
/amanhecidas
quarta-feira, 25/3/2020

MIGALHAS nº 4.818

Informações jurídicas de quarta-feira, 25 de março de 2020.

... Eduardo Nunes de Souza e Rodrigo da Guia Silva tratam da resolução contratual nos tempos do novo coronavírus. (Clique aqui) Migalhas Edilícias Para o advogado Carlos Gabriel Feijó de Lima, a covid-19 e seus efeitos são fatos imprevisíveis que levam...
MIGALHAS nº 4.818
/depeso
quarta-feira, 26/12/2018

2018: um marco para o Direito Civil brasileiro

O saldo é positivo. 2018 viu ganhar ritmo a marcha de uma civilística sóbria e comprometida, consciente de sua história e de seu papel. Longe de significar atraso ou rompimento com a maré evolutiva, o ano que se vai assinala um novo tempo. ...

... desastrosas. Pela RT, Rodrigo da Guia Silva publicou Enriquecimento sem causa: as obrigações restitutórias no Direito Civil. Ainda que não se aceda à metodologia perfilhada, o livro passa a ser uma leitura de necessário cotejo para os estudos na matéria,...
2018: um marco para o Direito Civil brasileiro
Não há mais resultados para serem exibidos.