quinta-feira, 11 de agosto de 2022

TUDO SOBRE

  1. Home >
  2. Tudo sobre > Douglas Dos Santos Ribeiro

O que saiu em Migalhas sobre Douglas Dos Santos Ribeiro

facebooktwitterlinkedinwhatsapp
Autor do Migalhas Douglas dos Santos Ribeiro
quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Douglas dos Santos Ribeiro

Especialista em Direito do Consumidor e Processos Cíveis Empresariais, do escritório Pires & Gonçalves - Advogados Associados.

Especialista em Direito do Consumidor e Processos Cíveis Empresariais, do escritório Pires & Gonçalves - Advogados Associados.
Migalhas Amanhecidas MIGALHAS nº 5.200
segunda-feira, 4 de outubro de 2021

MIGALHAS nº 5.200

Informações jurídicas de segunda-feira, 04 de outubro de 2021.

... startups Para o advogado Douglas dos Santos Ribeiro (Pires & Gonçalves - Advogados Associados), o marco legal das startups traz mais segurança jurídica para empreendedores e investidores que decidem apostar neste modelo de negócio. (Clique aqui) Trabalhadores...
Migalhas Quentes Advogado destaca que lei das startups promove segurança jurídica
domingo, 3 de outubro de 2021

Advogado destaca que lei das startups promove segurança jurídica

Desburocratização e a inexistência de responsabilidade dos “investidores-anjo” por dívidas que a startup possa contrair são alguns dos avanços que Douglas dos Santos Ribeiro destaca.

Para o advogado Douglas dos Santos Ribeiro (Pires & Gonçalves - Advogados Associados), o marco legal das startups traz mais segurança jurídica para empreendedores e investidores que decidem apostar neste modelo de negócio. O causídico destaca alguns pontos...
Migalhas de peso Recomenda-se às empresas aderirem à plataforma consumidor.gov.br
quarta-feira, 28 de abril de 2021

Recomenda-se às empresas aderirem à plataforma consumidor.gov.br

O procedimento para adesão à plataforma está regulamentado na portaria 15, da Secretaria Nacional do Consumidor (SENACON), emitida pelo Ministério da Justiça em 1º de abril de 2020.

O procedimento para adesão à plataforma está regulamentado na portaria 15, da Secretaria Nacional do Consumidor (SENACON), emitida pelo Ministério da Justiça em 1º de abril de 2020.