sábado, 22 de janeiro de 2022

MIGALHAS QUENTES

fechar

Cadastre-se para receber o informativo gratuitamente

  1. Home >
  2. Quentes >
  3. TJ/ES suspende prazos e atendimentos presenciais por 47 dias
Pandemia

TJ/ES suspende prazos e atendimentos presenciais por 47 dias

O governo do Estado, em contrapartida, impôs medidas restritivas por apenas 14 dias.

quarta-feira, 17 de março de 2021

Nesta terça-feira, 16, o governo do Estado do Espírito Santo adotou novas medidas restritivas visando o enfrentamento do coronavírus. Até o dia 31, ou seja, por 14 dias, foi suspenso o funcionamento de quaisquer serviços e atividades, à exceção dos considerados essenciais.

No mesmo dia, o desembargador Ronaldo Gonçalves De Sousa, presidente do TJ/ES, editou o ato normativo 21/21, que suspende prazos processuais para os processos físicos e atendimentos presenciais por 47 dias.

(Imagem: Freepik)

(Imagem: Freepik)

A norma assim estabelece:

"Art. 1º. Determinar que a partir de 17/03/2021, o Poder Judiciário do Espírito Santo volte à primeira fase prevista no Ato Normativo nº 88/2020 do TJES.

Art. 2º. Determinar que a partir de 05/04/2021, o Poder Judiciário do Espírito Santo progrida para a fase intermediária prevista no Ato Normativo nº 88/2020 do TJES.

Art. 3º. Determinar que a partir de 03/05/2021, o Poder Judiciário do Espírito Santo retorne para a fase final prevista no Ato Normativo nº 88/2020 do TJES."

O ato normativo 88/20 veda o ingresso nas dependências do Poder Judiciário de advogados públicos ou privados, membros do Ministério Público, Defensores Públicos, Peritos, entre outros. Além disso, suspende prazos processuais para os processos físicos.

Segundo a nova norma, a qualquer momento, dependendo da progressão ou regressão da pandemia, os prazos estabelecidos poderão ser revistos.

t

Por: Redação do Migalhas

Atualizado em: 17/3/2021 13:01