domingo, 1 de agosto de 2021

AUTOR MIGALHAS

  1. Home >
  2. Autor >
  3. Edson Vidigal

Edson Vidigal

https://www.migalhas.com.br/autor/edson-vidigal
Migalheiro desde março/2008.

Migalhas de peso Já fui vice, eu sei
segunda-feira, 29 de abril de 2019

Já fui vice, eu sei

A Vice-Presidência não foi imaginada para ser um banco de reserva inspirador do ócio.
Migalhas de peso Oh yes, no tenemos banana
quarta-feira, 3 de abril de 2019

Oh yes, no tenemos banana

O mercado internacional da banana movimenta hoje 8 (oito) bilhões de dólares por ano. Dados da FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação).
Migalhas de peso Por duas polegadas a mais
segunda-feira, 18 de março de 2019

Por duas polegadas a mais

O tempo não esquece a idade e a idade nunca para consumindo a vida.
Migalhas de peso Sabem vocês o que é o amor?
terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Sabem vocês o que é o amor?

A inspiração de poetas como o Vinicius – sabe você é o que é o amor? Não sabe, eu sei. (...)
Migalhas de peso Sem medo de ter medo
terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Sem medo de ter medo

A Inglaterra então já projetava exemplos de segurança pública com cidadania. Algo que a politicalha patrona da inveja e das gestões medíocres, e sabe-se hoje, pra lá de corruptas, não deixaram que isso acontecesse no Rio de Janeiro. Nem no Maranhão.
Migalhas de peso Já Era Vermelha
quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Já Era Vermelha

A maledicência, talvez, tenha criado a versão de que o vermelho da praça tenha tido a ver mesmo com sangue, nada a ver com o coração da cidade, mas com um massacre de milhares de pessoas reprimidas num protesto, em 1698.
Migalhas de peso O direito de nascer
sexta-feira, 11 de maio de 2018

O direito de nascer

Presidente chamado Gerald Ford, o qual, até onde se sabe, cuidando de curar as feridas do escândalo de Watergate, foi suplantado nas urnas por Jimmy Carter para quem a prioridade eram os direitos humanos, arma sutil contra as ditaduras no continente. A começar pela do Brasil.
Migalhas de peso Esqueçam o Lula
quinta-feira, 22 de março de 2018

Esqueçam o Lula

Quer dizer que no nosso Estado Democrático de Direito é lícito prender quem não é ainda culpado?
Migalhas de peso O Rei e a Rainha
quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

O Rei e a Rainha

Ora, quem sob a visibilidade geral inerente ao poder, rei ou rainha, presidente ou presidenta de qualquer coisa, não tem que se mostrar como símbolo do bom exemplo?
Migalhas de peso Lula lá, ainda não
sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Lula lá, ainda não

Em meio a esse redemoinho de paixões de ruas e discursos radicais dos seguidores de Lula, se ele já tiver sido preso em razão da sentença, restará o remédio heroico do "habeas corpus".
Migalhas de peso De repente, nem verão
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

De repente, nem verão

Oremos irmãs! Oremos irmãos! Para acalmar nosso silêncio e aborrecer a nossa indiferença e covardia!
Migalhas de peso A liberdade de importunar
segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

A liberdade de importunar

Elas vêm à frente um novo inimigo – os extremistas religiosos e reacionários, "inimigos da liberdade sexual.
Migalhas de peso Cada caso é um caso
segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Cada caso é um caso

Cada caso tem sua peculiaridade própria. Mas nada acima nem abaixo da Constituição.
Migalhas de peso O mundo em que Neiva viveu
segunda-feira, 16 de outubro de 2017

O mundo em que Neiva viveu

Nascido no mesmo dia em que eclodiu na Rússia a revolução comunista, Neiva Moreira morreu no dia 10 de maio de 2012, aos 94 anos de idade, e está sepultado aqui nesta Ilha de São Luís por onde começou a semear suas sublimes rebeldias pelo País e mundo afora.
Migalhas de peso Os jumentos do padre
sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Os jumentos do padre

Assim como a pomba branca simboliza a paz, a serpente o mal, o cordeiro o sacrifício, o jumento em si é o emblema da perseverança, da capacidade de sobrevivência em qualquer lugar do mundo, nas condições mais difíceis. É um bicho solidário, é ele que tem mais a ver com cada um de nós.
Migalhas de peso Escutando Janaína
sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Escutando Janaína

Que mais Janainas e Janainos apareçam neste cenário tão infestado por mediocridades. Para o bem da cidadania no Brasil!
Migalhas de peso Quem tem medo de Sérgio Moro?
quarta-feira, 5 de julho de 2017

Quem tem medo de Sérgio Moro?

O medo é uma maldade dos adultos que o inoculam nas crianças limitando-as desde cedo em suas iniciativas. Medo não são o receio, o cuidado, a prudência, que tem carga de responsabilidade.
Migalhas de peso Eleitoral, uma justiça noturna e cansada
segunda-feira, 26 de junho de 2017

Eleitoral, uma justiça noturna e cansada

O formato de Justiça Eleitoral ainda em vigor, montado há mais de meio século, não serve mais porque não se ajusta às novas responsabilidades constitucionais.
Migalhas de peso Falemos então sobre a Cecília
terça-feira, 25 de abril de 2017

Falemos então sobre a Cecília

A história de Cecilia, o primeiro chipanzé a ser libertado por um “habeas corpus” no mundo dos humanos, onde trafegam uns tantos nem tanto, ainda não foi contada no rádio nem na televisão. Nem nas revistas semanais.
Migalhas de peso Dois pesos
sexta-feira, 7 de abril de 2017

Dois pesos

Centenas de milhares de pessoas, jovens ou velhos, se amontoam agrilhoados sob o peso invisível da injustiça mofando como se fossem animais selvagens inofensivos por já não terem mais músculos saudáveis para continuarem lutando.
Migalhas de peso Briga de Bêbados
quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Briga de Bêbados

A constatação alardeada pelos cientistas de que o homem é o único animal capaz de matar o seu semelhante, só por um instante me conformou.
Migalhas de peso Enterrar os mortos
terça-feira, 6 de setembro de 2016

Enterrar os mortos

Cuidar dos vivos é não permitir que as nossas instituições democráticas sejam conspurcadas.
Migalhas de peso Quem quer ser Prefeito?
terça-feira, 16 de agosto de 2016

Quem quer ser Prefeito?

Sendo tu a pessoa capacitada, honesta e mui querida conforme o olhar geral, decerto que terás dificuldades para te assumires na personagem do candidato convencional.
Migalhas de peso O negócio das tornozeleiras
quinta-feira, 23 de junho de 2016

O negócio das tornozeleiras

O fabricante inglês vê atualmente o Brasil como um promissor mercado.
Migalhas de peso A inocência travada
sexta-feira, 3 de junho de 2016

A inocência travada

A alegria do Palácio Jaburu agora é o Michelzinho com toda a pureza e inocência dos seus 7 anos de idade.
Migalhas de peso Alguns remorsos
segunda-feira, 23 de maio de 2016

Alguns remorsos

"O momento não está bom. O momento está muito difícil."
Migalhas de peso Sem tempo para lua de mel
sexta-feira, 13 de maio de 2016

Sem tempo para lua de mel

O Michel já começa o dia um tanto apressado. Tem que espraiar esperanças, manter a maioria de apoios no Congresso, prestigiar publicamente a Lava Jato, fazer os ajustes e reajustes na economia e na politica. Acabar com as reeleições e substituir atual lei dos partidos. E mais e mais, muito mais.
Migalhas de peso Medidas cautelares
sexta-feira, 29 de abril de 2016

Medidas cautelares

Já não é segredo e está escrito nos jornais que a ordem da Dilma e do seu partido é infernizar o quanto possível a vida do Temer, enquanto seu substituto e depois pelos 2 anos à frente como seu constitucional sucessor.
Migalhas de peso Pescando Tucunaré
sexta-feira, 15 de abril de 2016

Pescando Tucunaré

Não há logica de politica pública, não há sincronia nenhuma entre os atores da esplanada e a Presidente que balança a batuta como uma maestrina maluca de algum filme dentre os que Federico Fellini ficou a nos dever.
Migalhas de peso Maria da Tempestade
sexta-feira, 1 de abril de 2016

Maria da Tempestade

"Entra Governo, passa Governo, sai Governo e o imbróglio do Brasil, à falta de reformas institucionais consistentes para serem encaradas a sério, só aumenta"
Migalhas de peso Pra que discutir com Madame?
quinta-feira, 10 de março de 2016

Pra que discutir com Madame?

De repente, não mais que de repente, como dizia o poeta, o cerco vai se fechando contra a Dilma.
Migalhas de peso Amanhã ninguém sabe
terça-feira, 1 de março de 2016

Amanhã ninguém sabe

O Brasil hoje é um País quebrado. A proposta de Orçamento da União para este ano, que ainda rola no Congresso, indica um rombo descomunal. As contas não fecham.
Migalhas de peso A presidenta e a mosquita
segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

A presidenta e a mosquita

Mosquito chegou fazendo logo um bom serviço ao governo, induzindo a nação a pensar menos no que mais aporrinha – a crise politica, a crise econômica, e tal.
Migalhas de peso O Rei não tinha só a cabeleira do Zezé
domingo, 7 de fevereiro de 2016

O Rei não tinha só a cabeleira do Zezé

Na origem das coisas, na mitologia grega, o Rei Momo era uma mulher, que foi até deusa, e que sendo deusa podia também ser juíza e, por isso, os seus julgados, ante a crença de que eram semeadores do bem, dispensavam a interposição de recursos.
Migalhas de peso Quem é essa aí, papai?
sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Quem é essa aí, papai?

Não haverá o caos. O Congresso aceitou tudo – reforma da previdência, desvinculação das receitas da União, volta da CPMF e tal.
Migalhas de peso Um estranho desce o rio
quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Um estranho desce o rio

O Financial Times, ao analisar mais uma vez essa ziquizira, que se abateu cruelmente sobre os brasileiros, informa que no Brasil nem carnaval vai haver mais.
Migalhas de peso Das vacas de Amós
segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Das vacas de Amós

É não desesperar. Depois das vacas magras, virão as vacas gordas. Não sem antes uma Constituinte exclusiva para as reformas politica e tributária.
Migalhas de peso Tudo bem no ano que vem
quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Tudo bem no ano que vem

A contagem regressiva segue e com o ano novo, um novo Governo.
Migalhas de peso Duas almas que se devem separar
sábado, 5 de dezembro de 2015

Duas almas que se devem separar

Presidência da República e Presidente são definitivamente, e não é de hoje, duas almas que se devem separar.
Migalhas de peso Pondo a modéstia de parte
terça-feira, 10 de novembro de 2015

Pondo a modéstia de parte

Todo o poder que emana do Povo só se mantem podendo enquanto se mantiver sintonizado com a origem.
Migalhas de peso Um novo futuro é possível
quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Um novo futuro é possível

Feche os olhos e se imagine num país onde o governo, controlado diretamente pelo povo, segura com mãos firmes as rédeas do Estado
Migalhas de peso Tubarões são míopes
sábado, 24 de outubro de 2015

Tubarões são míopes

Do que adianta reclamar da maioria do Congresso Nacional se a cada eleição os dessa turma mais se agigantam em poder ao ponto de emparedarem a presidente da República?
Migalhas de peso Entre ratos e homens
sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Entre ratos e homens

O rato que nem algumas categorias de homens sem categoria não age às claras, prefere sempre as caladas da noite para suas práticas deletérias.
Migalhas de peso Que tempo é este?
sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Que tempo é este?

O governo está sem dinheiro? Não era para estar. Aplica mal e gasta muito. Apesar dos discursos soprados por seus economistas não consegue economizar.
Migalhas de peso A CPI da Calcinha
segunda-feira, 7 de setembro de 2015

A CPI da Calcinha

Seguem-se as especulações engatando os preparativos. Uma CPI apenas não vai dar conta.
Migalhas de peso Legitimidade, como assim?
quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Legitimidade, como assim?

Não foi ela, a presidenta, quem lecionou que para ganhar eleição vale fazer até o diabo? Ora, fazer o diabo redunda no enorme estelionato que restou fortemente ferido o processo eleitoral do ano passado.
Migalhas de peso Travessuras e travessias
quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Travessuras e travessias

Quem empurrou o Brasil para esse rumo de uma travessia tão difícil quanto impossível que já penaliza a quase todos?
Migalhas de peso Governo capturado, Estado desorganizado
quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Governo capturado, Estado desorganizado

Agora se sabe quanto custou, e ainda custa, para nós todos essa captura do Governo da República nesse domínio politico de mais de doze anos.
Migalhas de peso Por que não o melhor?
sábado, 8 de agosto de 2015

Por que não o melhor?

No sistema eleitoral brasileiro é raríssimo alguém emergir das urnas como mandatário da vontade popular para exercer algum cargo sem que tenha cedido antes a algum acordo espúrio.
Migalhas de peso Alérgicos a dinheiro
terça-feira, 4 de agosto de 2015

Alérgicos a dinheiro

Até agora não se sabe de nenhum político que tenha que sido diagnosticado com intoxicação causada por estafilococo encontrável em cédulas ou moedas.
Migalhas de peso O decoro parlamentar e as vantagens indevidas
domingo, 26 de julho de 2015

O decoro parlamentar e as vantagens indevidas

A honestidade de um governante não se resume ao seu exemplo pessoal. Vai mais além que isso. É não roubar, sim. Mas também não deixar que outros roubem.
Migalhas de peso Dinheiro sujo, voto limpo?
sexta-feira, 24 de julho de 2015

Dinheiro sujo, voto limpo?

O dinheiro sujo que tem atentado contra a normalidade e a legitimidade das últimas eleições tem potencialidade danosa suficiente para cassar os diplomas dos tenham recebido um centavo sequer.
Migalhas de peso Os três patetas
sexta-feira, 17 de julho de 2015

Os três patetas

Quantos de nossos governantes ou representantes tem a consciência da supremacia da Constituição da República sobre tudo e todos?
Migalhas de peso Muiér Sapiens
terça-feira, 7 de julho de 2015

Muiér Sapiens

Quem vê Dilma de hoje, pelo lado de fora das cercanias do Palácio, pedalando sua bicicleta, calçando tênis, óculos escuros e capacete especial, dificilmente se lembraria da antiga Dilma.
Migalhas de peso No centenário do Carequinha
terça-feira, 30 de junho de 2015

No centenário do Carequinha

Nunca se formará uma sociedade com bons cidadãos se não forem instruídos desde cedo por escolas de qualidade e orientados, também desde cedo, a alguma formação profissional.
Migalhas de peso Olha a faca!
domingo, 28 de junho de 2015

Olha a faca!

Fulano anda com uma faca, beltrano com um taco de beisebol, sicrano com uma barra de ferro imitando uma bengala ou um cabo de vassoura.
Migalhas de peso Um rosto na multidão
sexta-feira, 19 de junho de 2015

Um rosto na multidão

Não me lembro de todos os nomes dos candidatos em que votei na última eleição como não sei os nomes de todos os Ministérios e Ministros da Dilma.
Migalhas de peso O coração do homem bomba
sexta-feira, 29 de maio de 2015

O coração do homem bomba

Quem está com batidas muito alteradas no coração, sem dormir bem e com a cabeça quente é o pessoal que está lista do Ricardo.
Migalhas de peso Dizer, o que?
sexta-feira, 15 de maio de 2015

Dizer, o que?

De Getúlio ao "durão" General Médici, muitos representantes da nação brasileira não se esquivaram de dirigir a palavra aos trabalhadores no 1º de maio. Dilma, entretanto, optou por não aparecer em rede nacional para celebrar a data.
Migalhas de peso Fica para a próxima
quinta-feira, 14 de maio de 2015

Fica para a próxima

É raro hoje em dia um Ministro ou Desembargador receber um advogado em luta pelo direito que não o seja na companhia de algum assessor.
Migalhas de peso O Homem de Rua
terça-feira, 5 de maio de 2015

O Homem de Rua

Classificada como máquina de fazer doidos, a televisão brasileira parece não haver encontrado ainda quem pudesse juntar talentos para investir em editorias mais suaves que apresentem em cada amanhecer noticias mais agradáveis.
Migalhas de peso Riscos calculados
sexta-feira, 24 de abril de 2015

Riscos calculados

Num recente encontro à noite no Palácio da Alvorada entre Lula e Dilma na conversa entre os dois houve uma subida de tom. Ministros na sala ao lado ouviram a voz rouca, inconfundível, perguntar a Dilma – você sabe a coisa errada que eu fiz, não sabe? Foi botar você aí...”
Migalhas de peso Qui mai qui tu quer?
quinta-feira, 16 de abril de 2015

Qui mai qui tu quer?

Dependência dessas coisas do presente cotidiano nos mesmos cenários e onomatopéias que nos entristecem e nos revoltam, mas também nos divertem.
Migalhas de peso Governo de que, mesmo?
quinta-feira, 9 de abril de 2015

Governo de que, mesmo?

Pela pesquisa do Ibope que saiu recentemente, o povo brasileiro está dizendo que nessa época em que tudo está subindo, incluindo os preços dos alimentos e dos remédios, subiu também consideravelmente a taxa de reprovação do governo da Dilma para 64%.
Migalhas de peso Chove Chuva
quarta-feira, 1 de abril de 2015

Chove Chuva

A crise destes tempos é mesmo política porque é de confiança, de falta de legitimidade.
Migalhas de peso Fora de uma
sábado, 14 de março de 2015

Fora de uma

Sabias que tramita no Congresso uma proposta mandando inserir a felicidade entre os objetivos da República para o povo? Sim, ela mesma, a felicidade!
Migalhas de peso Tudo embaralhado
quarta-feira, 4 de março de 2015

Tudo embaralhado

O soldado do Batalhão da Guarda Presidencial disse que nunca havia pensado nisso antes, mas que pela primeira vez sentiu uma vontade irresistível de roubar alguém. Daí planejou o assalto...
Migalhas de peso Sob a força da grana
quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Sob a força da grana

A cada eleição o Estado brasileiro é arrematado por financiadores de campanhas, como se fosse um grande leilão.
Migalhas de peso O Rei e a Rainha
quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

O Rei e a Rainha

Ora, quem sob a visibilidade geral inerente ao Poder, Rei ou Rainha, Presidente ou Presidenta de qualquer coisa, não tem que se mostrar como símbolo do bom exemplo?
Migalhas de peso Ou dá ou desce
segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Ou dá ou desce

Os poderes são independentes entre si, mas quem não cuidar de colocar os seus querubins nos postos de comando das mesas dos parlamentos para que, por meio deles, possam comandar por inteiro todo o poder legislativo, não se sustentará.
Migalhas de peso O taxista e o homem dos remédios
segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

O taxista e o homem dos remédios

Uma propagandista de remédios descobre, durante corrida de táxi, a guerra fria em que vivemos.
Migalhas de peso Isto aqui, o que é?
segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Isto aqui, o que é?

Olhar fixo na câmera um, o entrevistador anuncia um breve intervalo para os comerciais. É o momento de insistir.
Migalhas de peso Uma Mulher na História
quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Uma Mulher na História

Genu Moraes: primeira mulher a andar a cavalo pelas ruas de paralelepípedos de Teresina e também a primeira a dirigir automóvel, aprendeu cedo a não ligar aos falatórios.
Migalhas de peso Voltas e coisas
terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Voltas e coisas

O minuto passa, a hora transcorre, a semana se vai, o mês acaba, e quando menos se espera já é ano novo, de novo. E tudo segue no mesmo ritmo, do mesmo jeito.
Migalhas de peso Autoridades
sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Autoridades

O ideal seria se todos nós, cada um no seu serviço, mandando para outro lugar as tentações autoritárias, buscássemos apenas a cidadania.
Migalhas de peso Arruma a mala
domingo, 31 de agosto de 2014

Arruma a mala

O Estado tem encarecido muito o seu custo e o Governo, cada vez mais confuso, não consegue domar a sua engrenagem, restando sempre para a população a maior soma das deficiências e dos prejuízos.
Migalhas de peso Reformas
domingo, 17 de agosto de 2014

Reformas

Eleições periódicas com regras ditadas pelos que se mantém na dominação total não legitimam nada.
Migalhas de peso Copas
domingo, 13 de julho de 2014

Copas

Fazendo um relação com a política do pão e com circo, Edson Vidigal comenta sobre a Copa do Mundo no Brasil.
Migalhas de peso Ivo Viu a Uva. Ou o Ovo.
sábado, 14 de junho de 2014

Ivo Viu a Uva. Ou o Ovo.

E então, vamos festejar o Dia Nacional do Ovo? E porque não incluirmos também no calendário o Dia Nacional do Galo e o Dia Nacional da Galinha? Afinal sem esses dois não há ovo. Palmas para os nobres deputados!
Migalhas de peso Oposições
sexta-feira, 30 de maio de 2014

Oposições

Só o exercício permanente e livre do contraditório pode deter como numa vacinação em massa os surtos do totalitarismo.
Migalhas de peso Agora
terça-feira, 15 de abril de 2014

Agora

O que amanhece por aí, depois de toda noite, com uma madrugada no meio, é apenas o dia, não mais que um dia.
Migalhas de peso Cantar
sexta-feira, 7 de março de 2014

Cantar

Comecemos assobiando aquele hino que segurou as esperanças do Brasil cansado dos abusos e das intolerâncias dos manda chuvas de plantão – hoje você é quem manda, falou tá falado, não tem discussão. (...) Apesar de você, amanhã há de ser outro dia...
Migalhas de peso Anônimos
sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Anônimos

Tanto aqueles que fazem de tudo para serem notados quanto os que anseiam o anonimato padecem de um mesmo mal decorrente de uma mesma causa. A solidão.
Migalhas de peso Parceiros
sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Parceiros

Os parceiros atuam como se o plural que são se resumisse ao singular em que resultam.
Migalhas de peso Fenômenos
sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Fenômenos

Como é que não sabíamos que a senhora que na história soma mais tempo de demora na curul é uma socióloga?
Migalhas de peso Só, somente só
sábado, 7 de dezembro de 2013

Só, somente só

De que adiantam os aplausos resultantes da mera formalidade e nem carregam a sinceridade da emoção mais verdadeira silente e omissa deixando espaços ao silêncio?
Migalhas de peso Mulheres
domingo, 17 de novembro de 2013

Mulheres

As mulheres lutaram para ganhar direitos políticos e, hoje, são muitas as que se destacam em altos cargos dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.
Migalhas de peso Artes
sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Artes

Pesquisas norte-americanas mostram como o cérebro se comporta diante de ações benéficas e maléficas do ser humano, artista do bem ou do mal.
Migalhas de peso Pois é, pra quê?
terça-feira, 29 de outubro de 2013

Pois é, pra quê?

"Quem é que pode administrar um país numa República democrática tendo que se acertar todo dia com os donos de trinta e dois partidos?", questiona o ex-presidente do STJ.
Migalhas de peso Que Pena
sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Que Pena

Os registros de violência urbana crescem como se nada mais pudesse ser feito.
Migalhas de peso Sem Heroísmos
sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Sem Heroísmos

Por que nós, brasileiros, já estamos com tanto medo assim de entrar numa ambulância, isso quando há ambulância?
Migalhas de peso Insultos
sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Insultos

Há toda uma parafernália oficial para tomar teu dinheiro com multas, mas não te incomodas. Avanças os sinais vermelhos, ultrapassas as velocidades permitidas, não respeitas as faixas exclusivas dos pedestres.
Migalhas de peso Usurpadores
sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Usurpadores

Para o cronista, ao tirar de Jackson Lago o diploma de governador eleitor do MA em 2009, o TSE manchou sua história com uma "violência inenarrável".
Migalhas de peso Jerusalém
sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Jerusalém

O Maranhão não pode ser mais como Jerusalém que calava e exilava os seus profetas. Quando não os eliminava.
Migalhas de peso Malucos
sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Malucos

De médico, poeta e louco todos nós temos um pouco.
Migalhas de peso Milet
sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Milet

Na véspera do centenário de nascimento de Clodomir Milet, pertinaz combatente das fraudes eleitorais no MA, confira a homenagem de quem testemunhou e protagonizou diversas lutas no Estado.
Migalhas de peso Pragas
sábado, 10 de agosto de 2013

Pragas

Então lhes falei dos meus ancestrais judeus fugidos da Espanha para Portugal de onde já como cristãos novos migraram para o Brasil, indo parar primeiro em Laranjeiras, berço da cultura, da educação, da economia e da política.
Migalhas de peso República
segunda-feira, 5 de agosto de 2013

República

"Dizem que essa figura estampada em todas as cédulas da nossa moeda nacional representa a República do Brasil. Não conheço nada mais atual e representativo de um estado de coisas tão melancólico."
Migalhas de peso Dominguinhos
segunda-feira, 29 de julho de 2013

Dominguinhos

"Que falta eu sinto de um bem / que falta me faz um xodó / mas como eu não tenho ninguém / eu levo a vida assim tão só..."
Migalhas de peso Tempo
sexta-feira, 19 de julho de 2013

Tempo

"Como disse Tancredo pela voz de Alain Delon em "Il Gattopardo" para que as coisas permaneçam iguais é necessário que tudo mude".
Migalhas de peso Enfeiou
sábado, 13 de julho de 2013

Enfeiou

O governo comemorou o baixo quórum da passeata na Esplanada dos Ministérios achando que a força do povo tinha dimunuido. Ledo engano. As coisas ainda estão feias. Não bastasse a onda de greves, os caminhoneiros resolveram paralisar as estradas também.
Migalhas de peso Ritmos
quinta-feira, 13 de junho de 2013

Ritmos

Assim como nos espetáculos, não se pode perder o ritmo também na vida, na política, no governo.
Migalhas de peso Ministérios
quarta-feira, 5 de junho de 2013

Ministérios

Um governo com 39 ministérios consegue se mover?
Migalhas de peso Estrelas Errantes
quarta-feira, 29 de maio de 2013

Estrelas Errantes

A democracia precisa da motivação e energia do povo para garantir a força necessária aos embates que são constantes.
Migalhas de peso Omissos
quarta-feira, 22 de maio de 2013

Omissos

Consegues lembrar agora o nome do Deputado Federal e do Senador em que votastes?
Migalhas de peso Estranhas
quinta-feira, 16 de maio de 2013

Estranhas

Do que ainda vamos nos surpreender se aqui, nesta ilha do amor, o que ainda não aconteceu de estranho, melhor dizendo de absurdo, está para acontecer?
Migalhas de peso Um Garoto
quarta-feira, 8 de maio de 2013

Um Garoto

Um garoto no meio fio próximo ao poste do sinal, não parece ter pressa nem se incomodar com a chuva e nem com os impedimentos que o seu desabar propicia ou causa.
Migalhas de peso Alegria
quinta-feira, 2 de maio de 2013

Alegria

O mundo anda meio assim, em carências de afetividades e de bom humor, um tanto desligado das coisas do amor.
Migalhas de peso Paralelas
quarta-feira, 24 de abril de 2013

Paralelas

O Maranhão, de alguma forma nosso, até que tem avançado, tornando-se cada vez mais conhecido pela televisão.
Migalhas de peso Jackson Vive
quarta-feira, 17 de abril de 2013

Jackson Vive

A história de Jackson, que foi morto e renasceu pelo menos umas três vezes.
Migalhas de peso Amizades
terça-feira, 19 de março de 2013

Amizades

"Sabe aquele labrador, o Nêgo, que o Dirceu repassou à Dilma quando saiu da Casa Civil do Lula?"
Migalhas de peso Juventude
segunda-feira, 11 de março de 2013

Juventude

As histórias de Padre Cícero, Lampião e da Coluna Prestes se entrelaçam na crônica.
Migalhas de peso Bolota
segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Bolota

A fome é a mais humilhante das privações humanas. A cada três segundo, uma pessoa morre de fome no mundo.
Migalhas de peso Os redentores
segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Os redentores

Em meio a obras literárias, o cronista migalheiro relata pessoas que foram importantes para a formação do caráter de uma sociedade.
Migalhas de peso Custos
segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Custos

Seja num jogo de futebol, nas guerras ou na política, não há vitória sem custos e todos que participam são pagantes. Confira a crônica.
Migalhas de peso Horizontes
quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Horizontes

Não muito crente em previsões de fim do mundo para os próximos anos, meses, dias, segundos, o cronista dá boas-vindas a 2013 e defende que o melhor mesmo é sempre confiar na esperança.
Migalhas de peso As cores do trem
sábado, 22 de dezembro de 2012

As cores do trem

Se você quer a miríade, dez mil estrelas luzindo nas trevas do céu sobre o infinito do mar e mais aquele vento salpicando o restante do marulhar, então assobie uma canção qualquer num ritmo de tango, talvez, e deixe escapulirem as ideias.
Migalhas de peso Ouro e prata
segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Ouro e prata

Precisamos investir o ouro arrecadado do silêncio no exercicío do pensar.
Migalhas de peso Viva a noite
segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Viva a noite

É injusto comparar o tempo de alguma ditadura com a noite, pois é ela que inspira poetas, amantes e boêmios.
Migalhas de peso Apenas só
segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Apenas só

"Mais duro que estar só é não perceber a solidão roendo quieta". Confira a crônica.
Migalhas de peso Adeus às ilusões
segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Adeus às ilusões

"Há que se estar muito atento às ilusões. Elas se agregam às esperanças, mas não são esperanças". Confira a crônica.
Migalhas de peso Cinzas, cinzas
segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Cinzas, cinzas

Mais um carnaval fora de época, felizmente, está no fim. Depois da saturação, vêm as cinzas.
Migalhas de peso Não. Não apoio
segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Não. Não apoio

Corre pela internet uma campanha para que JB seja candidato a presidente da República. Você apoia ? Veja a opinião do cronista.
Migalhas de peso Hebe
segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Hebe

Ela sempre foi o exemplo de mulher trabalhadora que soube contribuir no seu ofício para a harmonia social e a coesão familiar.
Migalhas de peso Descartes
segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Descartes

"O amor queima brando e lento, mas queima sempre, aquecendo. A paixão irrompe, queima, mas devasta". Confira a crônica.
Migalhas de peso Vencedores e vencidos
segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Vencedores e vencidos

O discurso do honesto hoje é tão desacreditado que já não atrai as aglomerações para as quais ele agora, o honesto, é tido apenas como um bobo.
Migalhas de peso Perderam, perderam !
segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Perderam, perderam !

O verbo perder conjugado no pretérito perfeito e repetido por duas vezes, forma a frase tema da crônica. Confira.
Migalhas de peso Acossados
segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Acossados

Em ano de eleições, o cronista migalheiro chama a atenção do país para as condições de vida no Maranhão.
Migalhas de peso Coisas antigas
segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Coisas antigas

Nada é tão novo assim. Nem o mensalão, nem a cremação.
Migalhas de peso Espantos
segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Espantos

Um homem nu, em pé no alto do telhado de um edifício, estaria querendo o quê ? Não especule. Confira a crônica.
Migalhas de peso Uns e outros
segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Uns e outros

Todo progresso depende de loucos, porque são os únicos que tentam modificar o mundo.
Migalhas de peso Gregos
segunda-feira, 30 de julho de 2012

Gregos

Fazendo um paralelo com Vidas Secas, de Graciliano Ramos, o cronista fala sobre os cães que estão sendo abandonados na Grécia.
Migalhas de peso Sapo
segunda-feira, 23 de julho de 2012

Sapo

Sapo não é gente, mas o que o impediria na corrida eleitoral hoje se, pesando bem, não acabaria sendo o preferido? Confira a crônica.
Migalhas de peso Mais que nada
segunda-feira, 16 de julho de 2012

Mais que nada

Quando as coisas sempre dão certo, logo se diz que é sorte. Será? Confira a crônica.
Migalhas de peso Gastar a Sorte
segunda-feira, 9 de julho de 2012

Gastar a Sorte

Na feira tudo se vê, sente, percebe, escuta. E se gasta. Até a sorte ? Veja a bem-humorada crônica.
Migalhas de peso Vergonha
segunda-feira, 2 de julho de 2012

Vergonha

Na tentativa de compreender por que sentimos vergonha de nossos erros, o cronista migalheiro conclui que "todos nós somos dependentes de freios, e quando não há mais freio, não há mais vergonha".
Migalhas de peso Predador
segunda-feira, 25 de junho de 2012

Predador

O cronista, inspirado com o inverno, fala sobre as situações extremas da nossa natureza.
Migalhas de peso Esperando Godot
segunda-feira, 18 de junho de 2012

Esperando Godot

Assim como os personagens do dramaturgo Samuel Beckett, os povos tendem a não sopesar a realidade. Preferem sempre, a cada época, esperar por algum Godot.
Migalhas de peso Calcinha
terça-feira, 12 de junho de 2012

Calcinha

No meio de um plenário cheio de deputados, uma calcinha largada no chão resultou até em CPI. Confira a humorada história do cronista migalheiro.
Migalhas de peso A Onça
terça-feira, 8 de maio de 2012

A Onça

Relembrando o episódio de uma onça no estacionamento do STJ, o cronista indaga o que estaria fazendo uma suçuarana em pleno horário do expediente na Corte Superior?
Migalhas de peso O golpe
quarta-feira, 2 de maio de 2012

O golpe

O cronista relata uma passagem que prova que "com o passar do tempo, a História vai aumentando ou diminuindo a estatura moral e cívica das personagens".
Migalhas de peso Cachoeira
terça-feira, 24 de abril de 2012

Cachoeira

O cronista migalheiro brinca com as palavras e relaciona as quedas d´água e os turbilhões causados por elas com um certo cachoeira, no gênero masculino mesmo.
Migalhas de peso Anjos
terça-feira, 17 de abril de 2012

Anjos

Existem os anjos bons e os maus. Mas, piores que os maus, são aqueles que fingem serem bons.
Migalhas de peso Cadeirantes
terça-feira, 10 de abril de 2012

Cadeirantes

Nada substitui a experiência pessoal. Melhor dizendo, o sofrimento pessoal.
Migalhas de peso Moradas
terça-feira, 3 de abril de 2012

Moradas

Divagando, o cronista fala sobre uma fila, sempre invisível que, volta e meia ao andar, açambarca da vida de nós pessoas queridas como Millôr Fernandes e Chico Anísio.
Migalhas de peso Espelhos
terça-feira, 27 de março de 2012

Espelhos

O anúncio de que o Brasil ultrapassou a Inglaterra no ranking das maiores economias do mundo fez muita gente tocar foguete. Mas, no que interessa à maioria das pessoas, principalmente no Maranhão, comemorar se o bem bom das coisas de lá passam muito além das coisas daqui?
Migalhas de peso Estatutos
segunda-feira, 12 de março de 2012

Estatutos

Proibições são comuns e se estão escritas então, amigo, amiga, ou você aceita ou vai para a desobediência civil.
Migalhas de peso Logradouros
segunda-feira, 5 de março de 2012

Logradouros

Quando as pessoas têm seus nomes oficialmente gravados nas placas que denominam as ruas, as praças, as avenidas e, nos mapas, também as cidades, a ideia não é endeusá-las, penso, mas consagrar referências históricas e de bons exemplos.
Migalhas de peso Estrelas errantes
segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Estrelas errantes

Confiante na democracia, o cronista migalheiro critica as "estrelas" que vagam pela política, querendo ocupar os espaços do espaço, batendo umas nas outras e crentes de que nunca irão cair.
Migalhas de peso Tudo é passageiro
sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Tudo é passageiro

As nuvens que hoje amanheceram agasalhadas sob o sol, e já flutuam no azul, amanhã serão outras. É terrível viver sob a opressão e não ter em quem confiar. Não que faltem profetas. São incontáveis os que se digladiam querendo a confiança dos oprimidos.
Migalhas de peso Mercadores
segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Mercadores

"O vigarista profissional sabe medir as distâncias para a abordagem e avaliar os espaços onde assediar com calma, sem sustos, sua próxima vitima", revela o cronista migalheiro sobre a venda de votos.
Migalhas de peso Nada além
sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Nada além

O cronista migalheiro aclara porque as pessoas se eternizam não só pelas batalhas que vencem, mas também pelas renúncias que realizam.
Migalhas de peso Comendas
quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Comendas

Numa leitura que nos remete a imaginar a época das Cruzadas, meados do século XII, o cronista fala sobre a origem das comendas e por que "têm um valor tão fugaz quanto o poder de quem as recebe".
Migalhas de peso Boa Vontade
quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Boa Vontade

O cronista migalheiro dá boas-vindas a 2012, propõe um novo começo a todos e faz um convite: vamos realizar a paz através da boa vontade. E não é sobre guerra que ele fala, é sobre o nosso dia a dia, no trabalho, nas filas, no trânsito.
Migalhas de peso Genros
quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Genros

Comicamente, a crônica relata os tropeços e desvios (de dinheiro público) de alguns genros da história, desde a antiga Grécia até hoje. Causos esses que conferem a eles uma certa má fama.
Migalhas de peso Livros
quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Livros

Em nostalgia, o cronista fala sobre o valor dos livros e a disputa de mercado em detrimento de bons autores nacionais.
Migalhas de peso Estações
terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Estações

O cronista migalheiro comenta as estações do ano.
Migalhas de peso Esses fantasmas
segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Esses fantasmas

A partir de uma analogia fantasmagórica, o cronista migalheiro conta quem são os espectros que andam aterrorizando o governo, a sociedade e o Judiciário brasileiro.
Migalhas de peso O sol vencerá
quarta-feira, 23 de novembro de 2011

O sol vencerá

O cronista migalheiro, entediado com o monótono canto de um sábio, decide cuidar de uma goiabeira, árvore que atrai muitos pássaros, para ouvir cantigas diferentes.
Migalhas de peso Entre ratos e homens
segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Entre ratos e homens

Entre bananas, macacos e ratos, o cronista baseia-se em um instigante episódio para comparar a semelhança de alguns animais com os seres humanos.
Migalhas de peso Sonhos
quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Sonhos

A crônica conta a história de uma mãe que pergunta ao filho o que ele quer ser quando crescer e surpreende-se com a resposta.
Migalhas de peso De senectude
terça-feira, 18 de outubro de 2011

De senectude

O cronista questiona o que seria do presente sem as histórias dos antepassados para encher a alma de orgulho e as inspirações de bons exemplos.
Migalhas de peso Ainda a esperança
terça-feira, 11 de outubro de 2011

Ainda a esperança

A partir de um episódio ocorrido no Japão, país devastado por catástrofes naturais e humanas, o cronista tece considerações sobre a necessidade de se manter a esperança diante do desalento e da solidão.
Migalhas de peso Intenções
quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Intenções

Em tom enamorado e onírico, o cronista exalta a brisa marítima, as nostalgias noturnas, os ensaios fotográficos de noivas e o contemplar do pôr do sol.
Migalhas de peso Codinomes
quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Codinomes

A crônica prenuncia o caos que seria caso as pessoas tivessem que atender pelo nome que outro alguém decidisse lhes nomear.
Migalhas de peso Viva a noite
segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Viva a noite

Em tom poético, o cronista relata a inspiração e a cumplicidade que a noite oferece àquele que segue em suas penumbras às instigações mais líricas e libertas.
Migalhas de peso Inocências
quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Inocências

Veja a crítica àqueles que diante do desabamento do mundo clamam-se inocentes, enquanto a alienação e a indiferença fazem com que não pensem em ações e sonhos coletivos.
Migalhas de peso É bom não abusar
terça-feira, 6 de setembro de 2011

É bom não abusar

Quando nenhuma sanção é imposta ao transgressor das regras éticas, morais e legais da sociedade, este julga a si próprio sortudo e imunizado pela impunidade.
Migalhas de peso O motorista da política
segunda-feira, 29 de agosto de 2011

O motorista da política

O cronista conta uma conversa tida entre amigos, na qual revela como tem evitado tornar-se refém das medições de forças existentes na política.
Migalhas de peso Para ninguém
segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Para ninguém

Baseado nas fotografias em que os acusados da Operação Voucher aparecem sem camisa, segurando uma placa de identificação, o autor discute os direitos constitucionais do preso.
Migalhas de peso Ritmos
sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Ritmos

Quando se diz que a dança tem que ser conforme a música, o que se quer afirmar é que cada música se sujeita a um ritmo e que, por isso, não cabe dançar fora do ritmo.
Migalhas de peso Basuras
quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Basuras

Confira as histórias por trás do lixo, seja como alvo dos miseráveis em busca de alimentos, como fonte de informações para jornalistas invasivos ou como matéria-prima para reciclagem.
Migalhas de peso Um dia antes
segunda-feira, 25 de julho de 2011

Um dia antes

A hora de darem uma parada a tanto trabalho parecia tão distante que elas e eles ate davam a impressão de serem uns desprotegidos numa faina forçada sem amparo algum das leis.
Migalhas de peso Ressurretos
quarta-feira, 13 de julho de 2011

Ressurretos

Não sei se já te aconteceu de estares num lugar e de repente te ocorrer a ideia de que em algum tempo num passado bem remoto já teres estado ali.
Migalhas de peso Autoridades
quarta-feira, 6 de julho de 2011

Autoridades

Reparando bem, o dia anda repleto de autoridades. O cara que raspou a cabeça e veste um terno preto e que esconde os olhos por trás das lentes escuras de um par de óculos, repara o ar arrogante dele, é autoridade.
Migalhas de peso "Jussareira"
quinta-feira, 30 de junho de 2011

"Jussareira"

Senhor presidente, peço a palavra. E aí o senhor Presidente aquiescendo, tem a palavra Vossa Excelência. Senhor Presidente, quero trazer ao conhecimento desta Casa uma notícia muito jussareira. O plenário se aquietou e o Cupertino, vereador de muitos mandatos e sempre o mais votado no bairro do João Paulo, continuou.
Migalhas de peso Alegria, alegria
quarta-feira, 22 de junho de 2011

Alegria, alegria

Presta atenção no outro que vem ali. Agora esboça um sorriso e arrisca lhe desejar um bom dia. Verás que o gesto na reciprocidade, quando muito, é mecânico. Não vem com emoção, com aquele agá de humanidade. Tenho notado as pessoas, no geral, um tanto ensimesmadas, e me pergunto se não é de hoje que elas andam assim ou se eu é que só agora passei a prestar mais atenção.
Migalhas de peso A felicidade
quinta-feira, 16 de junho de 2011

A felicidade

Tocar a vida tem, para cada um de nós, maneiras diversas, mas no fundo, no fundo, se resume a um mesmo resultado. Sobreviver querendo, um dia, quem sabe, também ser feliz. Você sabia que há no Congresso, em tramitação, uma proposta de emenda constitucional mandando inserir a felicidade entre os objetivos da República para o povo em geral? Sim, ela mesma, a felicidade!
Migalhas de peso A Gerente de Saquarema
quinta-feira, 9 de junho de 2011

A Gerente de Saquarema

Até que não é tão vasto o mundo por estas ribanceiras lambidas pelo oceano sendo, talvez por isso, mais fácil detectar de longe não só o mau hálito que a cidade exala ao receber todo dia as primeiras pontas de sol como também uns certos maus humores causados certamente pela impaciência de quem amando tanto este País já não se conforma com tantos desconsolos e despautérios.
Migalhas de peso Viva o João, Viva!
segunda-feira, 30 de maio de 2011

Viva o João, Viva!

As pessoas quando o vêm logo se encantam com o seu olhar maroto, a sua alegria que não pára, como se ele fosse o único sobre esta terra ainda capaz de segurar os anúncios da confiança, confiança sem a qual não adianta falar em fé, nem esperança.
Migalhas de peso As Novas
quarta-feira, 25 de maio de 2011

As Novas

Começa o dia, você liga o rádio, vê a televisão, folheia os jornais e se lhe perguntam pela novidade a resposta que sairia límpida logo se transfigura em outra pergunta – novidade? Não há novidade. Essa inundação de informações vai se diluindo com o correr das horas nos reencontros com a rotina, mas a impressão que fica é que não há novidade mesmo.
Migalhas de peso Solidão simultânea
segunda-feira, 16 de maio de 2011

Solidão simultânea

Quem sabe se invocando os deuses, assim no plural, não consigamos algum progresso? Para a remoção de tantos destroços, só deuses. Assim no plural, deuses plurais. As nossas vontades humanas não estão conseguindo segurar essa pauta em que as esperanças tenham de ficar ainda por mais tempo em concentração de esperas.
Migalhas de peso Lugar Comum
terça-feira, 26 de abril de 2011

Lugar Comum

Assim como se todos os poros do amanhecer só funcionassem nas axilas. E a cidade nos seus restantes, dormente. Entre um resto de lua ainda visível em despedida rápida ali pelo rumo do poente e os primeiros raios de luz querendo começar o dia sopra uma brisa atlântica.
Migalhas de peso Cinzas, Cinzas
segunda-feira, 21 de março de 2011

Cinzas, Cinzas

O amanhecer assim como se o sol embora acordado ainda relutasse em sair da cama insubstituível como ele só para os seus afazeres emparelha a nascente com o poente. Há galos cantando intermitentemente por quase todos os cantos do quintal entre o mangueiral e há também jumentos do outro lado do açude que relincham de hora em hora.
Migalhas de peso O jovem predador
sexta-feira, 4 de março de 2011

O jovem predador

O mais grave na maturidade, e pior ainda na velhice, não é a perda das capacidades oftálmicas ou auditivas, que vão se reduzindo de forma inexorável, ou da memória. O mais grave a partir de certa idade, digamos assim chegando à maturidade até alcançar a velhice, é a perda da noção do ridículo.
Migalhas de peso Meras coincidências
quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Meras coincidências

Agora, vendo o que vemos, quase dois milhões de pessoas numa praça do Cairo exigindo a renúncia de Mubarak, num movimento sem líderes, acima dos partidos, vem ao caso lembrar o que de exato se passa com os que mesmo sem o apoio da maioria do povo conseguem vencer eleições.
Migalhas de peso Ciência e Simpatia
segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Ciência e Simpatia

Não já lhe aconteceu de estando você entre duas ou mais pessoas numa conversa e, de repente, o celular tocar, tocar, e ninguém atender? É que muitas vezes há coincidências de toques e daí alguém não se dar conta de que o telefone que toca é o seu.
Migalhas de peso Heidi
quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Heidi

Foi descobrirem que Heidi tem o olhar fixo para direções opostas ao mesmo tempo e ela se tornou a atração. Não falo por mim, mas os homens em geral quedam-se irresistivelmente, muitos em segredo, por mulheres que não se encaixam nos convencionais padrões da beleza física e da estética predominantes.
Migalhas de peso Inocências
segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Inocências

Quando não se tem nada a dizer, manda a regra, o melhor a fazer é calar-se. Não dizer nada.
Migalhas de peso Cadeiras Vazias
quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Cadeiras Vazias

Outra vez, o Nobel da Paz chama a atenção do mundo para um dissidente político, no caso o chinês Liu Xiaobo, condenado e cumprindo pena de reclusão na China por não concordar com os conteúdos da ideologia e maneiras do Estado predominantes em seu País. Daí que na solenidade de entrega do Nobel da Paz o prêmio foi colocado sobre uma cadeira vazia.
Migalhas de peso Gastar a sorte
quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Gastar a sorte

O dia lá fora ainda nem começou com direito aos seus burburinhos, mas aqui dentro já tem filas. Passeio o olhar nas verduras, nos quiabos, nos maxixes. Passeio o olfato nos maços das ervas, alecrim, manjericão, hortelã.
Migalhas de peso Entre ratos e homens
quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Entre ratos e homens

Não sei o nome pelo qual atende entre os seus, os da sua praia ou tribo, mas o que sei é que, embora não saiba o seu nome, já estamos na terceira rodada e agora estou sem saber se eu o venci ou se ele me venceu.
Migalhas de peso Tamanduá
terça-feira, 13 de julho de 2010

Tamanduá

Olhando assim de longe dá para ver que o verde é quase um só, mas reparando bem, chegando mais para perto, não há como confundir o verde das folhas de boldo com o verde dos canudinhos das cebolinhas.
Migalhas de peso Pivetes
quinta-feira, 8 de julho de 2010

Pivetes

Nada mais verde esperança do que uma criança. E fico a imaginar no que leva uma criança, armazém de tanto futuro, a se perder na encruzilhada entre o bem e o mal, preferindo seguir a estrada larga das vantagens fáceis, que sendo fáceis demais, nem compensam porque são quase sempre ilícitas.
Migalhas de peso Nada de fim
sexta-feira, 2 de julho de 2010

Nada de fim

Nada de ficar imaginando que o último dia pode ser o de hoje ou o dia seguinte. Todo dia é ele só, cada hora é ela só. Os girassóis que em suas variedades de opalas são abundantes, eles também, em seus reflexos multicoloridos, também os girassóis dependem dessa luz deste dia de agora.
Migalhas de peso Um garoto
quinta-feira, 24 de junho de 2010

Um garoto

A procissão de automóveis estanca a sua marcha na manhã de nuvens cinza turvando as horas, o sinal vermelho se impondo como autoridade única. Os vidros das janelas estão levantados, as palhetas dos pára brisas não param o movimento rítmico que desanuvia a visão.
Migalhas de peso Tempos de Pirulitos
quinta-feira, 17 de junho de 2010

Tempos de Pirulitos

Como diz na Bíblia o Eclesiastes, todas as coisas no mundo tem o seu tempo, as leis brasileiras dizem que para cada processo há um prazo e em alguns casos, quando o perverso imagina que já lhe esqueceram é que, de repente, começam os reversos.
Migalhas de peso O último rei
terça-feira, 8 de junho de 2010

O último rei

Nem a derrocada do último rei da Escócia, como era chamado Idi Amin, o inicialmente popularíssimo Presidente de Uganda e depois o cruel e megalômano ditador que se aconselhava com jacarés em Kampala, serviu para aliviar a ficha do seu homônimo.
Migalhas de peso Rua da Paz, 452
segunda-feira, 31 de maio de 2010

Rua da Paz, 452

Ainda no aeroporto, um torpedo no celular me avisa – morreu o Marconi. Me dano a conferir quantos daqueles tempos, do movimento estudantil, das contestações literárias, ainda restam.
Migalhas de peso Codinomes
quarta-feira, 19 de maio de 2010

Codinomes

Se cada pessoa tivesse que atender pelo nome que cada pessoa, digo outra pessoa, resolvesse nominar, já pensou? Algo assim como recorrer a um catalogo para, entre as inumeráveis disponibilidades, escolher um nome para logo mais chamar alguma pessoa.
Migalhas de peso Juventude
quarta-feira, 12 de maio de 2010

Juventude

Tantas eram as agruras que o Povo do Juazeiro tinha a enfrentar, uma após outra, todas por conta da perseguição do Arcebispo obstinado em desqualificar o Padre Cícero, que um dia, como se não faltasse mais nada, uma notícia irrompeu amedrontando o Cariri.
Migalhas de peso Uns e Outros
quinta-feira, 29 de abril de 2010

Uns e Outros

Quando a divergência, muitas vezes dissimulando arrogância, não encontra razão para abater a ideia em confronto logo diz que o outro está é doido e, numa falsa generosidade, aduz – manda internar.
Migalhas de peso Ladrones
segunda-feira, 12 de abril de 2010

Ladrones

Sem perder de vista os tempos de agora, bons tempos, talvez, foram aqueles em que os ladrões de alguma forma até mais românticos pareciam se contentar com tão pouco.
Migalhas de peso Custos
quinta-feira, 8 de abril de 2010

Custos

O juiz apita decretando que o jogo acabou, a torcida do time vencedor em êxtase cerra os punhos e como se quisesse atirar as mãos no ar vibra e grita.
Migalhas de peso Amanhã
segunda-feira, 5 de abril de 2010

Amanhã

O hoje não é mais que o agora e, por isso mesmo, o melhor a fazer é seguir contando o tempo sempre na regressiva. Como se o amanhã pelo qual tanto se batalhou não fosse este agora.
Migalhas de peso Direitos
sexta-feira, 19 de março de 2010

Direitos

A confiança na esperança garante-nos a certeza de que podemos seguir e, prosseguindo, sonhar, sonhar.
Migalhas de peso Luiz Vicente
quinta-feira, 18 de março de 2010

Luiz Vicente

Você conhece e convive com umas certas pessoas e nem pensa que um dia elas vão morrer.
Migalhas de peso Araras
sexta-feira, 5 de março de 2010

Araras

Quase ninguém se lembra mais dos macaquinhos, um pouco antes do amanhecer, farreando nos galhos da amendoeira.
Migalhas de peso Resgates
segunda-feira, 1 de março de 2010

Resgates

Muitos ficaram com as boas lembranças que o poeta, em nome de todos nós, resumiu em saudades – ah que saudades que eu tenho da aurora da minha vida...
Migalhas de peso Passeata
quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Passeata

O propósito quando é bom, mas dependendo da credibilidade de quem o encarna, pode, sim, ganhar força e se alastrar contagiando de fé e incorporando alegria, primeiro, entre os que estão por perto.
Migalhas de peso Das Vacas
quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Das Vacas

Indo de carro por uma estrada estreita, de mão única, pelo sertão da Paraíba, querendo chegar, o quanto antes, a Pernambuco, tinha que estar em Recife no mais tardar no começo da noite, minhas retinas tão fatigadas de pedra que nem as do poeta, flagraram mandando para o arquivo da memória a cena do homem sozinho e sua vaca.
Migalhas de peso Pedra
quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Pedra

No matagal ali adiante depois daquelas moitas, um pouco mais à esquerda, à esquerda não, sim, talvez, se for à direita irão falar de qualquer jeito, então vamos cavar logo ali.
Migalhas de peso Medidas
quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Medidas

As consequências assustam, resultando muitas vezes até decepcionantes, sempre que descuidados e pensando mais em nós mesmos, cedendo à insaciável fome do nosso egoísmo, erramos nas medidas.
Migalhas de peso Beata, Beatos
quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Beata, Beatos

Odiava que a chamassem de papagaio. Mas não havia dedo ainda que fosse de ginecologista que pudesse encostar. Queria ser tratada e respeitada como do sexo oposto. Virava uma arara se desconfiassem.
Migalhas de peso Máscaras
terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Máscaras

No teatro grego, onde tudo parece haver começado, eram apenas duas – a máscara da tragédia e a máscara da comédia.
Migalhas de peso Asas da Liberdade
quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Asas da Liberdade

Em muitas vezes, para mim, estar num avião voando é conhecer bem de perto a liberdade e viver as descobertas e criações que essa parceria com a liberdade me oferece.
Migalhas de peso Ilusões
terça-feira, 17 de novembro de 2009

Ilusões

A esperança muitas vezes se transmuda em tantas promessas que a ilusão movida a ansiedades vai ocupando os espaços até então exclusivos das expectativas.
Migalhas de peso Recomeços
quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Recomeços

Não custa nada captar pelo espelho do retrovisor, numa olhadela do ainda há pouco, o restante da poeira.
Migalhas de peso Amanhã
sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Amanhã

O hoje não é mais que o agora e, por isso mesmo, o melhor a fazer é seguir contando o tempo sempre na regressiva. Como se o amanhã pelo qual tanto se batalhou não fosse este agora.
Migalhas de peso Caju e Manga
quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Caju e Manga

Aromas não estão apenas nas flores. Em algumas frutas, mais que em outras, eles se agregam aos sabores.
Migalhas de peso Genéricos
quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Genéricos

É um antigo desejo esse do homem de querer por diversas maneiras se eternizar.
Migalhas de peso A Rosa Púrpura
quinta-feira, 24 de setembro de 2009

A Rosa Púrpura

Ou é o direito, ou é o torto. Ou é a mentira, ou é a verdade. Tudo assim sem meio termo, ou o certo ou o errado. Irremediavelmente, entre uma coisa e outra, o devaneio.
Migalhas de peso Ensaio sobre a feiúra
quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Ensaio sobre a feiúra

Quando a auto-estima sobe um pouco além dos percentuais admissíveis, ninguém é feio, todo mundo é bonito, quer ser bonito, estar bonito, sair bonito ainda que o seja apenas na foto.
Migalhas de peso Umas coisas
quinta-feira, 23 de julho de 2009

Umas coisas

Às vezes são clichês, não são adágios.
Migalhas de peso Torneios
terça-feira, 14 de julho de 2009

Torneios

O viciado em jogo é aquele inveterado que se tem preferência, por exemplo, pelo baralho e se enxerga por perto um pano verde, logo se dana a coçar avidamente as pontas dos dedos.
Migalhas de peso O torturante Bandeide
terça-feira, 7 de julho de 2009

O torturante Bandeide

Como diz o ditado, todo sabido tem o seu dia de besta.
Migalhas de peso Como vão as coisas?
terça-feira, 30 de junho de 2009

Como vão as coisas?

Agora, não há quem não fique assim meio zonzo. Basta uma pergunta. Como vão as coisas? A mente gira rápida como um radar do controle aéreo e a resposta meio perdida na ponta da língua não diz nada. Só traduz perplexidade.
Migalhas de peso Fora do ar
quinta-feira, 25 de junho de 2009

Fora do ar

Uma pessoa que pensa as coisas sem considerar as realidades em derredor e nem assimila o tempo em suas temperaturas ou o vento em suas velocidades, subestimando os outros e ignorando os fatos, não está nada bem.
Migalhas de peso Olhos nos Olhos
quinta-feira, 18 de junho de 2009

Olhos nos Olhos

O olhar sorumbático, totalmente macambúzio, diz tudo. Mas vendo assim quase de longe a impressão que dá é que é um daqueles espécimes extraordinários que conseguem seguir com as ondas, indo e vindo, quase encostar na areia, não encalhar e voltar.
Migalhas de peso Voar, Voar
quarta-feira, 10 de junho de 2009

Voar, Voar

No amanhecer e o sol ainda meio sonolento e fazendo um frio danado e lá despontam elas voando umas rentes às outras como se formassem uma esquadrilha.
Migalhas de peso A solidão da gata
quarta-feira, 3 de junho de 2009

A solidão da gata

Vejo a Miúcha ali perscrutando a rua por trás das basculantes da janela, o olhar panorâmico, atento e ligeiro, como se quisesse dar conta de todas as crianças em seus alaridos e como se a tarde fosse de domingo, um domingo inteiro, interminável domingo.
Migalhas de peso Aguaceiro
quarta-feira, 20 de maio de 2009

Aguaceiro

A nuvem cinza, aquela que está ali carregada, parece abrir passagem para o facho de luz irresistível como se estivesse, ela a nuvem cinza, num cruzamento e o sinal do trânsito celeste lhe tivesse mostrado agora o farol vermelho.
Migalhas de peso Devo, Sim
quinta-feira, 14 de maio de 2009

Devo, Sim

Ah, se não fosse esse meu verbo indenizatório!
Migalhas de peso Bem melhor assim
segunda-feira, 4 de maio de 2009

Bem melhor assim

O automóvel pula no buraco, espirra lama na calçada, a moça atingida esconjura e segue em seus passos, a mão esquerda firme segurando o guarda-chuva.
Migalhas de peso A reciclagem dos coronéis
segunda-feira, 27 de abril de 2009

A reciclagem dos coronéis

A índole democrática da Constituição da República será sempre uma mera percepção acadêmica para fins diversos, inclusive propagandísticos, se o Judiciário pelo equívoco de alguns Juízes recusa vigência a princípios fundamentais como, por exemplo, o de que todo poder emana do Povo que o exerce por meios de representantes eleitos.
Migalhas de peso Passa da hora
quinta-feira, 23 de abril de 2009

Passa da hora

O Maranhão tem 331.983,3 kms². Possui rios formando uma das maiores bacias hidrográficas do país. Nessas terras habitam 6 milhões, 305 mil pessoas.Mais que a população de alguns países da Europa.
Migalhas de peso Roedores
quinta-feira, 16 de abril de 2009

Roedores

A gente lê ou ouve falar em tantos bilhões de reais, bilhão prá cá, bilhão prá lá, mas não faz idéia do quanto se trabalha no Senado e na Câmara, ó gente, por esta Pátria mãe tão distraída. Tira aí uma hora incerta por dia, entre terça e quinta feira, só para assistir à TV Senado. Oh quão agradável!
Migalhas de peso Além do horizonte
quinta-feira, 9 de abril de 2009

Além do horizonte

Essas crianças sosseguem. A cada tempo despontam as horas das novidades. Muitas nem tão novas assim. De tão esquecidas acabam recicladas. Outras nem tanto. E para quem não sabe sobre a história ou não a viveu naquelas emoções encardidas, isso de agora aí não é nada. Pode parecer coisa nova, mas não é não.
Migalhas de peso Esses Fantasmas
quarta-feira, 1 de abril de 2009

Esses Fantasmas

Sempre que as soluções escapam à possibilidade do natural, aparece alguém levando a mão, quase que em concha, ao canto da boca para em seguida, num sussurro de fada, ordenar um recurso ao sobrenatural.
Migalhas de peso É bom não abusar
quarta-feira, 25 de março de 2009

É bom não abusar

Quando as coisas sempre dão certo para uma pessoa logo se diz que ela tem muita sorte. Muitas vezes nem sempre é assim.
Migalhas de peso A anta triste
quarta-feira, 18 de março de 2009

A anta triste

Ela vaga pela aí notívaga, atravessando noites, mas nunca está satisfeita. A anta, diz a lenda, é uma daquelas criaturas montadas por Deus com o que sobrou dos outros bichos.
Migalhas de peso Haja Tamanduá
quinta-feira, 12 de março de 2009

Haja Tamanduá

Olhando assim de longe dá para ver que o verde é quase um só, mas reparando bem, chegando mais para perto, não há como confundir o verde das folhas de boldo com o verde dos canudinhos das cebolinhas.
Migalhas de peso Boi de Goiás
sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Boi de Goiás

Essas garrafas de plástico, por exemplo, que são esquecidas nas praias quando, levadas pelas ondas, chegam ao alto mar causam um estrago enorme, você não faz idéia.
Migalhas de peso Que Murmurem
quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Que Murmurem

Se o camarada que não gosta de bicho e de criança, não necessariamente assim nessa ordem, é bom ficar de olho nele.
Migalhas de peso Previsão do tempo
quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Previsão do tempo

Não há nuvens carregadas, mas sim nuvens que estão indo às levas, pra onde elas vão ah eu não sei, não sei. O certo mesmo é que elas são passageiras. Outras passam até mais ligeiras, nem sombreiam.
Migalhas de peso Pois é, Prá Que?
quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Pois é, Prá Que?

Os poetas, como os cegos, são os únicos capazes de enxergar na escuridão. Alguém constatou isso e saiu espalhando. Achei ótimo e até inseri num discurso.
Migalhas de peso Increíble
sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Increíble

Por vezes me belisco, calco com força os pés no chão, me olho no espelho, vou ao jardim, confiro os ninhos dos pássaros, os animais pastando à beira do açude.
Migalhas de peso O Dia Seguinte
quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

O Dia Seguinte

Fincar-se num ponto, acreditando só nas mesmas coisas, recitando um mantra que de tão antigo ninguém mais aguenta, é enxergar a praça vazia garantindo silêncios e, por isso, achar sempre que as veias nunca sangrarão.
Migalhas de peso Das Barrancas às Carrancas
segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Das Barrancas às Carrancas

Agora, há pouco, numa esquina próxima ao Mercado Central de Santiago, dei de cara com um Papai Noel pedindo esmolas.
Migalhas de peso Na Marra, Não!
terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Na Marra, Não!

O que fazer quando a maioria de um Povo se descobre refém de uma minoria que, em nome de todos, pelas engendrações formais, assumiu um Estado e o manipula em função da sua continuidade no Poder, promovendo o atraso, causando a miséria, fazendo de tudo para não acontecer a alternância?
Migalhas de peso Vergonha
quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Vergonha

Quando a pessoa cai em si e constata que tinha tantas boas razões para não fazer, é natural que saia de circulação e até se esconda em algum recôndito como quem perdido de si busca algum escaninho para se reencontrar.
Migalhas de peso Amarelo Piscando
quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Amarelo Piscando

Repare bem no pássaro engaiolado por tanto tempo e um dia veio alguém e o soltou. De tão acostumado que estava com a quietude daquele exíguo espaço pareceu que já nem sabia o que fazer com as suas asas.
Migalhas de peso Bate Outra Vez
quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Bate Outra Vez

Imortal é quem pelos seus bons feitos transcende as fronteiras do seu tempo. É quem não tendo que morrer nunca some em pessoa, mas fica.
Migalhas de peso Fora da lagoa
segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Fora da lagoa

Quem nunca a viu, e só a conhece de ouvir falar, ao vê-la assim, parada em sua pose de eterna indefesa, até se surpreende, num misto de compaixão e respeito, com a mansidão do seu olhar
Migalhas de peso A dor moral
quarta-feira, 1 de outubro de 2008

A dor moral

Quando é com os outros, você não faz idéia do quanto é danoso. Só a pessoa sofrendo, ofendida em sua honra, pode saber o quanto a dor moral é uma dor profunda e sem limites.
Migalhas de peso O cão orelhudo
segunda-feira, 15 de setembro de 2008

O cão orelhudo

A neurose que acomete a maior parte das pessoas que não vivem sem um telefone à mão vai dominar ainda por um bom tempo as emoções avulsas.
Migalhas de peso Zé do Caixão
segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Zé do Caixão

Como se o noticiário tivesse a força do vento a tanger papagaio, desses de menino empinar, e lá vai ele, ante - ontem Zé de Baixo e desde ontem, ainda hoje, por ora ainda, Zé de Riba, lá vai ele querendo saber se a notícia é sobre morte, quem morreu, quantos anos tinha, se era alguém importante, alguma celebridade.
Migalhas de peso Vencer cansa
quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Vencer cansa

Vitória é aquela senhora almejada por todos, inimiga de outra igualmente muito conhecida, que atende pelo nome de Derrota. Com esta aqui então é que ninguém quer conversa.
Migalhas de peso O Pessoal do pirulito
terça-feira, 12 de agosto de 2008

O Pessoal do pirulito

Como diz o Eclesiastes, todas as coisas tem o seu tempo. No caso das leis brasileiras também. Para cada processo há um prazo e em alguns casos, como o de dano moral, quando o perverso imagina que já lhe esqueceram é que, de repente, começam os reversos
Migalhas de peso Perversos e difíceis
quinta-feira, 10 de julho de 2008

Perversos e difíceis

Quando espocou uma dessas operações da Policia Federal, um ilustre jornalista de grande influência nacional me telefonou perguntando sobre uma ilustre autoridade
Migalhas de peso Para não dizer adeus
quarta-feira, 9 de julho de 2008

Para não dizer adeus

Coisas antigas, algumas nem muito antigas, vão ficando no gaveteiro invisível da memória, tipo assim um encontro casual em que as emoções emergindo devagar, mas como se fossem a eternidade conclusa, escalam o ápice do indelével.
Migalhas de peso Viva o João, Viva!
terça-feira, 1 de julho de 2008

Viva o João, Viva!

As pessoas quando o vêm logo se encantam com o seu olhar maroto, a sua alegria que não pára, como se ele fosse o único sobre esta terra ainda capaz de segurar os anúncios da confiança, confiança sem a qual não adianta falar em fé, em esperança.
Migalhas de peso Sobre hienas e otários
quarta-feira, 25 de junho de 2008

Sobre hienas e otários

Sabido entre nós que ninguém se assume, pelo menos perante os outros, como tendo sido alguma vez na vida um otário, é sabido também que por essa premissa o malandro quando entra em ação não começa em desvantagem.
Migalhas de peso Unha encravada
segunda-feira, 9 de junho de 2008

Unha encravada

O que é pior, num Governo? Aloprados, trapalhões ou unha encravada? Como diria Chico Pires, famoso em Canto do Buriti por ter sido o único a responder direito, num programa de auditório, quem foi Shakespeare, eis aí, amiga, amigo, a grande questão.
Migalhas de peso Bode na Sala
quarta-feira, 4 de junho de 2008

Bode na Sala

O bom político hoje em dia, diz-se por aí, não é o que trabalha sob a inspiração das grandes idéias, querendo vitoriosas pelos embates democráticos as aspirações populares, mas sim o que friamente apenas persegue resultados.
Migalhas de peso Os bons morrem
sexta-feira, 16 de maio de 2008

Os bons morrem

Todo dia a menos é um tempo a mais para o fim. Mas quase sem nos dar conta disso seguimos em frente, como se cada dia consumido não fosse essa fadiga a nos reduzir, quase que sorrateiramente, no tempo da jornada.
Migalhas de peso Mistérios Velados
terça-feira, 13 de maio de 2008

Mistérios Velados

O mar, sim, este pedaço de atlântico em derredor de nós, nos rondando o tempo todo e inventando praias, fingindo lambe-las, mas querendo mesmo, talvez, quem sabe, invadir esta ilha, pois bem, o mar resolveu hoje, antes de raiar o sol, chamar todos os mal feitos à ordem.
Migalhas de peso Traidor ou Traído?
quarta-feira, 7 de maio de 2008

Traidor ou Traído?

O que, afinal, a não ser princípios muito sólidos, pode imantar uma pessoa com autoridade moral e intelectual sobre as outras para que ela então possa ficar lhe decretando sobre o que lhe é certo e o que lhe é errado?
Migalhas de peso Biografias
quarta-feira, 12 de março de 2008

Biografias

O problema é quando a história fica comprida demais, cheia de leguleios, uma coisa a realçar ali, outra a esconder acolá e aí o biógrafo, se não tem compromisso pessoal algum com o biografado, resolve contar tudo.
Migalhas de peso Amanhã
quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Amanhã

O hoje não é mais que o agora e, por isso mesmo, o melhor a fazer é seguir contando o tempo sempre na regressiva. Como se o amanhã pelo qual tanto se batalhou não fosse este agora.
Migalhas de peso Áulicos
sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Áulicos

O perigo é esse tipo de amizade que parecendo surgir do nada se abanca na intimidade do poder e vai ocupando espaços, afrontando princípios, exibindo força e prestigio, querendo que todos se submetam aos seus caprichos, às suas vontades. Será que vai ser sempre assim?
Migalhas de peso Obviedades
sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Obviedades

Ver não é tão difícil, é só ter olhos. Mas olhar e sentir, buscar compreender, encarar o cenário e refleti-lo, não é para qualquer um. Enxergar assim, claramente, com visão responsável, implica em compromissos. E o mundo no derredor é isso.
Migalhas de peso Filhotes de Leões
segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Filhotes de Leões

Eles acham que a ancestralidade lhes garante uma blindagem à prova de bala. Ou à prova da mais antiga verdade. Inalcançáveis, nem precisam mostrar coragem para atacar.
Migalhas de peso Serenidade e Cólera
segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Serenidade e Cólera

Se a pessoa não consegue dominar seus ímpetos negativos, sua raiva, sua cólera, seu pessimismo, seu azedume, pode parar o que pensa que está fazendo e sair em busca de tratamento psiquiátrico porque está muito doente.
Migalhas de peso Mais Bugs no Milênio
quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Mais Bugs no Milênio

Já se foram exatos 69 anos desde quando Assis Valente entregou a Carmem Miranda o que ainda hoje é lembrado como um dos seus grandes sucessos – anunciaram e garantiram que o mundo ia se acabar / por causa disso a minha gente lá em casa começou a rezar.
Migalhas de peso O discreto homem do chapéu
terça-feira, 18 de dezembro de 2007

O discreto homem do chapéu

Não sei se vocês viram na televisão três macacos, de cinco anos de idade, ganhando de doze rapazes, estudantes universitários, nuns testes de memorização. Os macacos provaram que, não apenas são também inteligentes, mas que em relação a nós, homus erectus, são muito mais rápidos de memória.
Migalhas de peso Te Cuida, Latorraca!
sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Te Cuida, Latorraca!

Quem surgiu primeiro, o camelo ou o dromedário? Dizem que foi o dromedário, isto porque a idéia inicial era fazer um camelo, um animal standard, econômico, capaz de transportar pessoas e cargas até mesmo pelo deserto.
Migalhas de peso Everybody, Macacada!
segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Everybody, Macacada!

Era um latifúndio e não tinha aquele tanto de alma viva a corresponder à quantidade das que votavam nas eleições. Claro, se eram apenas almas, daquelas invisíveis, quem iria testemunhar dizendo ao Juiz que não as viram votando? E assim o patriarcalismo se mantinha.
Migalhas de peso Das Inhacas
terça-feira, 6 de novembro de 2007

Das Inhacas

Nestes dias, talvez seja apenas impressão minha, o sol tem chegado mais cedo. A cidade até que nem tão imunda por onde passam os carros se inunda de luz, não aquela luz que dizem ser para todos e que, segundo as contabilidades, tem iluminado mais os faturamentos de uns poucos do que a necessidade escondida nos casebres de tantos.
Migalhas de peso Amor, Amor, Amor
terça-feira, 30 de outubro de 2007

Amor, Amor, Amor

Com tanta gente se matando por causas menores, tipo espaços de poder e dinheiro, eis que nos chegam duas noticias, uma de celebração da vida e logo em seguida outra sobre um desfecho, um grande final de uma linda historia de amor. Entre uma noticia e outra, um espaço de tempo o bastante para uma certeza, essa de que neste mundo doido ainda há gente que nem precisa ser doida para se mostrar capaz de amar.
Migalhas de peso Socialismo, Socialistas
terça-feira, 23 de outubro de 2007

Socialismo, Socialistas

Deixa que eu empurro, é como chamam em São Paulo aquele enorme monumento à saga dos bandeirantes, no Ibirapuera. Acabei de passar por lá. Um olho no taxímetro que me mordisca o bolso a cada tic do seu tac, o outro nas placas das ruas para me certificar que não estou indo por um caminho mais longo, portanto mais caro, me interesso muito na conversa do taxista.
Migalhas de peso Prazos de validade
quarta-feira, 5 de setembro de 2007

Prazos de validade

Um jovem advogado se tornou famoso nos Estados Unidos por suas muitas encrencas contra as industrias, notadamente as de alimentos e de remédios e, também, a industria automobilística. Seu nome, Ralph Nader.
Migalhas de peso Que venha o gato!
sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Que venha o gato!

Corre mundo a historia de um gato que não se encanta com peixinhos de aquário, nem perde tempo com ratos. Atua no mercado da morte, mas não em causa própria. Não me ocorre agora o nome do bichano. Sei que trabalha como oficial de justiça de uma visita fatal, inevitável, chamada morte.